Alterações de personalidade no processo de tomada de decisão: caso clínico de paciente com encefalite por HIV com lesão ventro-mesial

Maria Cristina Rosenthal, Claudinei Affonso

Resumo


Estudos sobre pacientes com lesões cerebrais têm oferecido subsídios para se compreender a fisiopatologia de distúrbios mentais e de personalidade. Antônio Damásio, em O erro de Descartes, discute a importância de se superar a dicotomia mente-corpo / razão e emoção, focalizando seus estudos na compreensão dos complexos processos funcionais envolvidos nas tomadas de decisão do quotidiano. Toma como paradigma o caso de Phineas Gage, que sofreu lesão cerebral que não atingiu a linguagem, motricidade ou inteligência, mas levou a perturbações profundas em seu comportamento nos processos de tomada de decisões e adaptação social. Nosso objetivo é apresentar o caso de um paciente com diagnóstico de encefalite e lesão ventro-mesial, analisando-o do ponto de vista neuropsicológico e de personalidade. Instrumentos: provas envolvendo funções corticais superiores; entrevistas com o paciente e esposa. Conclusão: relativa preservação de funções cognitivas e, em contraste, alterações importantes em comportamento no ambiente doméstico, profissional e social. A presença de mudanças de personalidade conseqüentes a lesões ventro-mesiais nos oferece elementos importantes para se compreender melhor a necessidade de uma consonância razão-emoção nos processos de tomada de decisão baseados em metas e valores a longo prazo.


Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: