O engano da analista e seus desdobramentos

Haydée Christinne Kahtuni

Resumo


Este artigo faz uma reflexão psicanalítica sobre algumas questões psicodinâmicas da história de vida de uma paciente atendida pela autora e do respectivo manejo do processo terapêutico. O tema abordado refere-se particularmente aos aspectos da regressão emocional da paciente.A análise é aqui considerada como um processo relacional e para o exame desse atendimento foram consideradas tanto as necessidades emocionais da paciente como a disponibilidade empática da terapeuta. A partir de um engano da terapeuta, assuntos relativos ao processo relacional do par analítico, bem como os desdobramentos terapêuticos conseguintes foram examinados para se valiarem os ganhos auferidos.  Os referenciais teóricos principais utilizados neste trabalho são a teoria de desenvolvimento de Donald Woods Winnicott e a teoria do trauma de Sándor Ferenczi.  Conclui-se que a falha da terapeuta naquela etapa do desenvolvimento psíquico da paciente e sua utilização no processo de manejo do setting puderam favorecer a paciente com o desenvolvimento de percepções fundamentais para a continuidade de seu amadurecimento emocional, cujo progresso havia sido paralisado.


Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: