O impacto da doença de Alzheimer no familiar cuidador no interior do estado de São Paulo

Bianca Vessecchi Talhaferro, Isabella de Oliveira Arakaki, Kátia Giugioli Carrasco

Resumo


O Alzheimer é considerado uma doença caracterizada pelo declínio das funções intelectuais superiores, como memória, linguagem, orientação, atenção, entre outros, podendo interferir nas atividades profissionais ou sociais do individuo, causando estresse, dúvidas e angústias nos familiares. O objetivo do trabalho é avaliar a qualidade de vida dos familiares cuidadores de pacientes com Doença de Alzheimer. A pesquisa foi realizada no domicílio de cada participante. Foram avaliados 20 familiares cuidadores. Utilizou-se o Teste de Qualidade de Vida SF-36 e o Inventário de Sintomas de Stress para adultos de Lipp. Em relação à qualidade de vida dos cuidadores que participaram desta pesquisa, apresentaram resultado favorável nos itens: capacidade funcional, aspectos físicos, estado geral de saúde, vitalidade, aspectos sociais, aspectos emocionais e saúde mental, porém no aspecto da dor, obtivemos nível elevado e quanto ao estresse houve predominância de sintomas psicológicos. A Doença de Alzheimer confronta o familiar com uma carga enorme de estresse, afetando assim sua qualidade de vida.


Palavras-chave


Cuidadores; Qualidade de vida; Doença de Alzheimer

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: