Classe C e o Fenômeno Social TV no Brasil

Breno de Paula Andrade Cruz

Resumo


Por meio de um estudo de caso qualitativo este artigo apresenta as mudanças estratégicas da Rede Globo entre 2011 e 2013 a partir da análise da (i) Classe C e (ii) do fenômeno Social TV. Em relação ao percurso metodológico adotado, trabalhou-se com a Netnografia na coleta de dados. Na categorização dos dados, três formatos de programas evidenciam as mudanças na programação da emissora, quais sejam: (i) novelas, (ii) programas e realities shows e (iii) humorísticos e mini-séries. Estas dimensões corroboram o entendimento da mudança de foco para se aproximar dos telespectadores e a importância do fenômeno Social TV.

 


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.20946/rad.v17i3.19143

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Flag Counter

Revista Administração em Diálogo - RAD
ISSN: 2178-0080

     

 

Apoio: