Tálamo dos Cânticos na capela Árvore da Vida: por uma espiritualidade do atrevimento

Joaquim Félix de Carvalho

Resumo


A capela Árvore da Vida foi agraciada, em 2011, com o prémio ArchDaily para edifício religioso com melhor arquitetura, e tornou-se mundialmente conhecida. Na construção de uma via hermenêutica de acesso ao seu tálamo eucarístico, em cuja criação participámos, explora-se a sua compreensão multidimensional: as diferentes camadas simbólicas; como memória e recriação se implicam. Nesse diálogo temos presentes as criações artísticas, a literatura mística (sobretudo comentários de Santa Teresa e sermões de S. Bernardo sobre o Cântico dos Cânticos) e a poesia contemporânea. Ensaístico e meditativo, o texto desafia para uma espiritualidade do atrevimento, no sentido teresiano, cuja expressão criativa se institui no renovar poético da espacialidade, da praxis escultórica, da performance ritual e da linguagem religiosa.

Palavras-chave


Hermenêutica. Espiritualidade. Performance. Mística. Poesia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/1677-1222.2018vol18i1a7

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 REVER - Revista de Estudos da Religião