O Plano Collor no debate econômico brasileiro

Carlos Eduardo Carvalho

Resumo


Este trabalho procura esclarecer o que de fato pretendiam os formuladores do Plano Collor e qual o diagnóstico do quadro econômico de que partiam. Defende-se que a opção pelo bloqueio da liquidez dos haveres financeiros estava ligada por três vertentes ao debate econômico dos anos anteriores sobre os problemas da estabilização no Brasil: as dificuldades para o controle da remonetização no caso de desinflação abrupta; as implicações da elevada liquidez dos haveres financeiros, a chamada moeda indexada; e o rápido crescimento da dívida mobiliária interna e seu precário esquema de refinanciamento diário no mercado monetário. O Plano Collor procurou enfrentar os três problemas simultaneamente, mas o objetivo principal do bloqueio da liquidez era controlar a remonetização acelerada que se seguiria à queda inflação, com os objetivos de natureza fiscal ocupando posição subordinada. Apresenta-se também uma resenha do debate econômico posterior a respeito destas questões.

Palavras-chave


Plano Collor; bloqueio da liquidez; reforma monetária;políticas de estabilização; pensamento econômico brasileiro.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: