METODOLOGIAS DE MENSURAÇÃO DO DÉFICIT HABITACIONAL NO BRASIL: UMA COMPARAÇÃO CONCEITUAL E EMPÍRICA – 2001 A 2009

Ana Lélia Magnabosco, Patrícia Helena Fernandes Cunha, Fernando Garcia

Resumo


O presente artigo tem por objetivos analisar as metodologias de cálculo do déficithabitacional e as tendências recentes no Brasil. São expostas as três principais metodologiasde cálculo e é feita a comparação entre os diferentes conceitos metodológicos e os resultadospara o ano de 2009. A seção seguinte traz as estimativas de evolução do déficit de 2001 a 2009e as distribuições por região e por faixa de renda. Conclui-se que as visões sãocomplementares, no sentido que abarcam populações distintas mas que apresentam carênciasde moradia e precisam de melhorias ou mesmo de uma nova moradia.

Palavras-chave


Déficit habitacional, metodologias de mensuração.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: