Efeitos Macroeconômicos Estilizados da Estabilização Monetária Pautada na Taxa Nominal de Câmbio – Experiências Latino-Americanas.

Fernando Ribeiro Leite Neto

Resumo


O artigo evidencia a ocorrência de fatos macroeconômicos estilizados em três experiências de estabilização monetária pautadas na âncora cambial implementadas na América Latina. Foram selecionadas a Tablita chilena (1978-82), o Pacto de Solidariedade mexicano (1988-94) e a Lei de Conversibilidade argentina (1991-2002). A análise estruturou-se a partir da hipótese de que há um padrão latino-americano de evolução macroeconômica associada à estabilização monetária calcada na âncora cambial. As relações macroeconômicas analisadas são: taxas nominal e real de juros e consumo privado per capita; taxa de câmbio nominal, taxa de inflação ao consumidor e taxa real de câmbio; e preços relativos.


Palavras-chave


Estabilização monetária; Taxa nominal de câmbio, Tablita, Pacto de Solidariedade, Lei de Conversibilidade e América Latina

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. BANCO CENTRAL DO BRASIL. Boletim do Banco Central do Brasil, Brasília, n. 11 (23), 1987.

________________________. Boletim do Banco Central do Brasil, Brasília, n.10 (30), 1994.

_________________________. Relatório 1997, Brasília, 1998.

CALCAGNO, A. F. El régimen de conversibilidade y el sistema bancário em la Argentina. Revista de la CEPAL, Santiago de Chile, 61: 63-89, Abr.1997.

CALVO, G. Temporary stabilization: predetermined exchange rates. Journal of Political Economy, Chicago, 5 (94): 1319-29, Oct. 1986.

COMISIÓN ECONÓMICA PARA AMÉRICA LATINA Y CARIBE. Anuario Stadístico de América Latina y el Caribe 1980. Santiago de Chile, 1981.

__________. Anuario Stadístico de América Latina y el Caribe 1984. Santiago de Chile, 1985.

__________. Anuario Stadístico de América Latina y el Caribe 1993. Santiago de Chile, 1994.

__________. Anuario Stadistico de América Latina y el Caribe 1994. Santiago de Chile, 1995.

__________. Anuario Stadístico de América Latina y el Caribe 1995. Santiago de Chile, 1998.

__________. Anuario Stadístico de América Latina y el Caribe 1999. Santiago de Chile, 2000.

__________. Anuario Stadístico de América Latina y el Caribe 2000-2001. Santiago de Chile, 2001.

DORNBUSCH, R. Stabilization policies in development countries: what have we learned? World Development, Quebec, 5 (10): 701-08, may.1982

EDWARDS, S. (1996). A tale of two crises: Chile and Mexico. NBER Working papers series. Working paper nº 5794. 62p. Disponível em: < http://www.nber.org >. Acesso em: 22 out. 2000.

GONTIJO, C. Política de estabilização e abertura externa: uma análise comparativa das experiências do Chile, da Argentina e do México. Revista de Economia Política, São Paulo, 1 (57): 41-57, jan/mar. 1995. .

GRIFFITH-JONES, S. La crisis del peso mexicano. Revista de la CEPAL, Santiago de Chile, 60: 51-70, Dez.1996.

GUERRA Jr., W. T. de A. O Plano Real e a experiência internacional sobre políticas de estabilização. São Paulo, USP, 1996. 352p. (Tese Doutorado).

INTERNATIONAL MONETARY FUND. Internatonal Financial Statistics – special suplement on exchange rates. Washington, DC, 1986.

___________. Internatonal Financial Statistics. Washington, DC, 1992.

___________ Internatonal Financial Statistics. Washington, DC, 1998.

KIGUEL, M. & LIVIATAN, N. The business cycle associated with exchange rate based stabilization. World Bank Economic Review, Oxford, 6: 279-302, jun.1992.

MÉXICO. (2002). Banco Central do México. Indicadores económicos e financeros. Disponível em: < http://www.banxico.mx >. Acesso em: 18 fev. 2002.

NAZMI, N. Exchange rate based stabilzations in Latin America. World Development, Quebec, 4 (25): 519-35, Apr. 1997.

REBELO, S. T. & VÉGH, C. A. Real effects of exchange-rate-based stabilization: an analysis of competing theories. NBER Macro Annual, Cambridge, 1995. 356p.

RODRIGUEZ, C. A . (1982). The argentine stabilization plan of december 20th. World Development, Quebec, 5 (10): 801-11, may.1982.

SOUZA, F.E.P. Experiências de políticas de estabilização baseadas na âncora cambial. Revista Brasileira de Comércio Exterior, Rio de Janeiro, 40: 6-29, ago/set. 1994.

WORLD BANK. World Data. CD ROM, 1988.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: