Hipótese dos mercados eficientes vis-à-vis incerteza, convenção e especulação: por uma mudança de paradigma nos mercados financeiros.

Eder Johnson de Area Leão Pereira, Arthur Gualberto Bacelar da Cruz Urpia

Resumo


Este artigo tem como objetivo fazer uma comparação entre a Hipótese dos Mercados Eficientes (HME) e os conceitos de incerteza, comportamento de manada e especulação, discutidas por Keynes na Teoria Geral do Emprego, do Juro e da Moeda. Mostrando que o mercado de ações tende mais para a lógica de Keynes sobre o comportamento dos agentes (financeiros) do que para um mercado em equilíbrio proposto pela HME. Com isso, com a crise dos subprime, as idéias de Keynes, novamente, retornam para o centro do debate sobre a realidade do mercados de ações.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Indexadores:

Nacionais:

pesquisa & debate


Internacionais: