A IMPRENSA NA CIDADE DE SANTOS: 1849-1930

Alexandre Alves

Resumo


O propósito deste artigo é analisar o desenvolvimento da imprensa na cidade de Santos, de 1849 (quando surgiu o primeiro jornal santista, a Revista Commercial) a 1930 (fim da República Velha). Neste período, os jornais foram instrumentos essenciais no processo de transformação da cidade, nas lutas sociais e na constituição da identidade da mais importante cidade portuária do Brasil. A repercussão que tiveram os movimentos abolicionista, republicano e operário em Santos se deve, em larga medida, ao vigor do jornalismo e da imprensa na cidade, que estimularam e potencializaram a circulação de novas idéias.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


________________________________________________________________________________________________________

Apoio:

 

Projeto História está indexada em: