Mortes, lesões e padrão das vítimas em acidentes de trânsito com ciclomotores no município de Sorocaba, São Paulo, Brasil

Natália Belo Rodrigues, Claudia Mescolotto Gimenes, Carolina Maria Lopes, José Mauro da Silva Rodrigues

Resumo


Objetivo: analisar o tipo e o padrão das lesões envolvendo motociclistas no município de Sorocaba. Método: preenchimentos de fichas para analise de dados. Resultados: foram analisadas as fichas de 754 vítimas: 77,8% homens e 22,2% mulheres, predominando idades entre 20 - 29 anos (57,5%); 88,8% das vítimas usavam capacete. A maioria das vítimas era condutora de ciclomotores (83,1%). A distribuição semanal das ocorrências mostrou, de segunda-feira a domingo, respectivamente, 13%, 13,8%, 14,72%, 14,9%, 16,70%, 14,3% e 14,6%. Quanto ao horário houve picos entre: 7 e 8 horas (6%), 12 e 13 horas (6,5%) e 17 e 18 horas (7,7%). Os principais mecanismos foram: ciclomotores X carros (60,9%) e quedas (21,0%). Das ocorrências com vitimas 96% foram em via urbana. Em relação às lesões, os principais tipos foram: contusões (64,6%), escoriações (51,1%), cortes (22,7%) e fraturas fechadas (14,7%) [MMII (66,8%), MMSS (45,8%) e crânio (16,3%); 94,4% das vitimas foram pontuadas com Escala de Coma de Glasgow 15 e 1,3% apresentavam indícios de alcoolismo. A partir de 20 de junho de 2008 houve queda de 12,2% no número de vítimas. Conclusão: houve predomínio de vítimas do sexo masculino, adultos jovens, condutores e em uso do capacete. Houve relação do horário das ocorrências com a ida e a volta do trabalho. Quantos às lesões, houve predomínio de ferimentos cortocontusos e escoriações, envolvendo principalmente a cabeça e os membros. Houve tendência de queda no número de acidentes após o início da Lei nº 11.705/2008, sugerindo que o álcool é um fator importante na gênese desses acidentes.

Palavras-chave


acidentes de trânsito; motocicletas; traumatismo múltiplo

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



Apoio: ..............................................................................................................................................

    

Fundação São Paulo - Hospital universitário

 



 

Rev. Fac. Ciênc. Méd. Sorocaba, Sorocaba, SP, Brasil, e-ISSN 1984-4840

A Revista da Faculdade de Ciências Médicas de Sorocaba está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.