Três Espécies de Bem

Lauro Frederico Barbosa da Silveira

Resumo


Cabe às ciências normativas investigar o estatuto e a natureza dos fins últimos da conduta. O fim possível será objeto da estética, o fim atual será procurado ao nível da ética e o fim a ser representado consistirá no objeto da lógica. Tivera a razão um estatuto transcendental, em sua própria origem estaria a fundamento último da conduta. Caso a conduta fosse reduzida simplesmente ao empírico, identificando-se com o comportamento, as motivações seriam todas particulares, e a filosofia sequer teria alguma razão de ser. Com a recusa a ambas as alternativas, a filosofia proposta por Charles Sanders Peirce deverá enfrentar a questão dos fundamentos genuinamente últimos mas irredutivelmente fenomênicos para compreender a natureza da razão em sua tensão evolutiva para a perfeição.

Palavras-chave


conduta; estética; ética; lógica; bem; expressividade; veracidade; verdade

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Apoio: