Autoformação orientada para o mundo como sublimação: ou por que a pós-fenomenologia precisa do pragmatismo peirciano

Ciano Aydin

Resumo


A pós-fenomenologia é um enfoque na filosofia da tecnologia que investiga como as tecnologias influenciam e moldam o mundo e o ego. Embora a pós-fenomenologia tenha expressado desde o início a ambição de oferecer uma estrutura não-essencialista e não-fundacionista, o desenvolvimento estrutural desse aspecto está virtualmente ausente. O pragmatismo peirciano, como será proposto, pode fornecer essa estrutura, bem como os blocos de construção para o desenvolvimento da visão da autoformação em termos de sublimação. Essa visão tenta reconhecer que nosso ambiente, que é cada vez mais um ambiente tecnológico e sujeito à mudança radical, molda consideravelmente quem nós somos e influencia quem deveremos ser. E, ao mesmo tempo, resiste à ideia de que o ego não é mais do que um joguete de influências e forças contingentes.

Palavras-chave


Autoformação; Peirce; Pós-fenomenologia; Pragmatismo; Sublimação;

Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.23925/2316-5278.2018v19i2p204-219

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.