Charles Peirce e as origens do pragmatismo norte-americano

Douglas Anderson

Resumo


Os primeiros pragmatistas americanos são, muitas vezes, abordados separadamente com foco em suas diferenças. Este ensaio introdutório destina-se simplesmente a lembrar o quanto eles tinham em estima os trabalhos uns dos outros e compartilhavam entre si uma variedade de perspectivas em suas respectivas visões de mundo. Sobretudo, eles acreditavam que estamos sempre em busca de novos conhecimentos por meio da experiência, do pensamento e do experimento. Eles consideravam suas próprias visões de mundo serem hipóteses sobre as realidades do mundo que experimentamos. E cada um deles acreditava que os extremos de dogmatismo e ceticismo são perspectivas que nos impedirão de aprendermos mais. No que se segue, apenas recordo aos leitores alguns de seus pensamentos em comum.

Palavras-chave


Abdução; Criatividade; Meliorismo; Peirce; Sinequismo.

Texto completo:

PDF (English)


DOI: https://doi.org/10.23925/2316-5278.2019v20i2p230-243

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Apoio: