DEMANDA POR EDUCAÇÃO PROFISSIONAL ENTRE JOVENS DA METRÓPOLE: O CASO DO LICEU ACADÊMICO SÃO PAULO

Zeila de Brito Fabri Demartini

Resumo


Neste artigo focalizamos alguns aspectos das implicações da existência de imigrantes na região metropolitana de São Paulo para o sistema educacional que foi se constituindo nas primeiras décadas do século XX. As condições favoráveis do contexto paulista funcionavam como um forte polo de atração para imigrantes de várias regiões do mundo, não só para trabalhar na lavoura, pois muitos viam na área metropolitana possibilidades de exercerem atividades comerciais, industriais e de serviço; além disso, como o campo cultural e educacional se encontravam mais desenvolvidos, visualizavam aí possibilidade de ascensão social. As demandas dos vários grupos que chegavam foram muito grandes no tocante ao atendimento às necessidades de educação de crianças e jovens. A história do Liceu Acadêmico São Paulo, abordada neste artigo, é um exemplo de como o sistema educacional paulista foi sendo ampliado para atender a essas demandas decorrentes do grande crescimento populacional, da expansão do mercado de trabalho urbano e às necessidades dos vários grupos de imigrantes para sua inserção no mercado de trabalho.


Palavras-chave


Educação profissional; Jovens imigrantes; São Paulo; Liceu Acadêmico São Paulo

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.