Submissões

Submissões Online

Já possui um login/senha de acesso à revista Cordis: Revista Eletrônica de História Social da Cidade?
Acesso

Não tem login/senha?
Acesse a página de cadastro

O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso.

 

Diretrizes para Autores

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

 

FAPESP - Código de Boas Práticas Científicas

"Em um trabalho científico devem ser indicados como seus autores todos e apenas os pesquisadores que, tendo concordado expressamente com essa indicação, tenham dado contribuições intelectuais diretas e substanciais para a concepção ou realização da pesquisa cujos resultados são nele apresentados."

Fonte: FAPESP, Código de Boas Práticas Científicas, 2014, p. 23.

 

CNPq - Relatório da Comissão de Integridade de Pesquisa do CNPq

"Somente as pessoas que emprestaram contribuição significativa ao trabalho merecem autoria em um manuscrito. Por contribuição significativa entende-se realização de experimentos, participação na elaboração do planejamento experimental, análise de resultados ou elaboração do corpo do manuscrito. Empréstimo de equipamentos, obtenção de financiamento ou supervisão geral, por si só não justificam a inclusão de novos autores, que devem ser objeto de agradecimento. [...] A colaboração entre docentes e estudantes deve seguir os mesmos critérios. Os supervisores devem cuidar para que não se incluam na autoria estudantes com pequena ou nenhuma contribuição nem excluir aqueles que efetivamente participaram do trabalho. Autoria fantasma em Ciência é eticamente inaceitável."

Fonte: CNPq, Relatório da Comissão de Integridade de Pesquisa do CNPq, 2011, p. 6. Grifo nosso.

 

1. Serão aceitos textos em português e em espanhol nas modalidades Artigo, Tradução, Resenha, Entrevista e Pesquisa de graduação, desde que tangenciem a temática solicitada e não tenham sido publicados em periódicos no Brasil.

A) Artigos – os artigos devem conter título, resumo de até cinco linhas e de três a cinco Palavras-chave, todos em português e inglês, introdução, subtítulo(s) e considerações finais. Os artigos devem conter entre 20 a 40 páginas, já incluídas as Referências (divididas em Bibliografia e Fontes). Para submeter artigos, o autor deve ser, no mínimo, mestrando.

B) Traduções – Devem conter até 40 laudas e serem acompanhadas da autorização do autor do original (enviar e-mail com a declaração scanneada), além de imagens, se houver. As traduções deverão ser acompanhadas do texto original. Dispensa-se Resumo e Palavras-chaves;

C) Resenhas – As Resenhas devem conter até 10 laudas. Deve-se apresentar título e palavras-chave em português e em inglês, não sendo necessário resumo. As resenhas de livros nacionais devem ser de publicação inferior a 3 anos e as resenhas de livros internacionais de publicação inferior a 5 anos;

D) Entrevistas – As entrevistas devem conter entre 20 a 30 páginas. Dispensa-se Palavras-chave e Resumo. Devem conter uma breve biografia do entrevistado no início da entrevista, bem como deve ser enviada uma declaração scanneada do entrevistado. Antecedendo a primeira pergunta, deve-se colocar o(s) nome(s) do(s) entrevistador(es) e sigla(s) do(s) respectivo(s) nome(s) – ex.: Carlos Silveira (CS); a partir de então deve constar apenas as iniciais CS. O mesmo ocorre com o nome do entrevistado. Dispensam-se parágrafos nas perguntas e nas respostas.

E) Pesquisas – seguem o mesmo modelo dos artigos, não sendo necessário o envio de resumo e de palavras-chave. Deve-se mencionar o nome completo do professor que orientou o trabalho ou a pesquisa, assim como e-mail. Os textos devem conter entre 10 e 20 páginas. Anexar cópia scanneada com o parecer e a assinatura do orientador autorizando a publicação do texto, assim como e-mail. A seção Pesquisas publica trabalhos de graduandos, alunos de Iniciação Científica, graduados, estudantes de especialização e especialistas.

2. As notas de rodapé devem ser especificadas pelo sistema nome do autor-título-cidade da publicação-editora-ano-página, sempre em notas de rodapé, de acordo com a NBR 10.520. Nos casos de texto em co-autoria, a partir de três autores utilizar o recurso et al. Na segunda citação de uma obra, utilizar, sempre, op. cit.

Exemplo:

BOURDIEU, Pierre. As regras da arte: gênese e estrutura do campo literário. 2. ed. São Paulo: Companhia das Letras, 2005, p. 119.

BOURDIEU, op. cit., 2005, p. 119.

FLÓRIO, Marcelo; BARREIRO FILHO, Roberto Coelho; AVELINO, Yvone Dias (Orgs.). Olhares cruzados: cidade, história, arte e mídia. Curitiba: CRV, 2011.

FLÓRIO; BARREIRO FILHO; AVELINO, op. cit., 2011.

3. Recomenda-se que os textos sejam cuidadosamente revisados. A publicação reserva-se o direito de executar revisão ortográfica, gramatical e semântica nos textos apresentados. Textos fora das normas serão recusados.

4. A simples remessa de textos pressupõe autorização de publicação e cessão gratuita de direitos autorais.

5. Cabe ao Conselho Editorial e aos Editores Científicos a decisão referente à oportunidade da publicação das contribuições recebidas.


Formatação dos textos

Parágrafo: 1,5 cm. Configurações da página: margens superior e esquerda: 3 cm; margens inferior e direita: 2 cm, orientação Retrato e papel A4. Espaçamento entre linhas: 1,5. Não deve haver espaço entre um parágrafo e outro. O corpo do artigo deve ser configurado na forma Justificar, ter tamanho da fonte Times New Roman 16. A primeira página do artigo não deve ter numeração; as demais devem ter numeração na parte superior, do lado direito, com tamanho da fonte Times New Roman 16.

O título do artigo deve ser todo em caixa alta, fonte Times New Roman 22, negrito e centralizado.

Títulos inseridos dentro do artigo são em caixa baixa, em itálico, e não devem conter numeração que anteceda o subtítulo. Após o título principal deve-se dar um espaço (Enter) e digitar o(s) nome(s) do(s) autor(es). Ex.: Ana Dias* (Texto centralizado). Deve constar nota biográfica, com no máximo cinco linhas, informando titulação, filiação institucional e e-mail do autor – essas informações devem constar em nota de rodapé.

Exemplo: * Doutora em História pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) e docente da Universidade Americana (UA). E-mail: <anadias@bol.com.br>.

Entrevista, resenha e tradução sequem o mesmo processo. Apertar uma vez a tecla Enter e digitar o Resumo. Depois mais um Enter e colocar as Palavras-chave. Exemplo: Palavras-chave: Cidade; Urbano; Rural. Fazer o mesmo processo para Abstract e Keywords.

No caso de nomes que se repetem de forma muito acentuada, seja no texto ou nas citações ao longo do mesmo, usar abreviações. Ex.: Jornal Correio do Oeste (JCE). Colocar sempre antes o nome por extenso, e depois as letras da abreviatura. Ex.: Segundo dados da Fundação Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (FIBGE), divulgados no final do ano de 2010, o Brasil possui mais de 200 milhões de habitantes.

Expressões em destaque, ou títulos de livros, artigos, periódico, etc, devem vir em itálico – Ex.: A modernização foi aceita pela sociedade como um todo. – e não em negrito, sublinhadas ou entre aspas. Os títulos de obras ou demais documentos, quando mencionados no corpo do artigo, não devem vir em negrito, sublinhadas ou entre aspas, mas sim em itálico. Devem constar no texto da seguinte forma: A obra O mundo dos loucos é de autoria de Adão Mello.

Figuras, imagens, tabelas, ilustrações e quadros devem constar no texto do próprio trabalho, e estar respectivamente numeradas. Caso as imagens sejam “pesadas” demais e o arquivo não tenha como ser enviado via sistema, deve-se remeter separadamente o material para o e-mail da Revista Cordis, mencionado no texto o local que o mesmo deve ser inserido.

As notas de rodapé devem ter o tamanho da fonte Times New Roman 12, e texto Justificado. O espaçamento é simples.

Citações com mais de 3 linhas devem ter recuo de 4 cm, estar em espaço simples e ter o tamanho da fonte 14. No caso de citações iniciais (Epígrafe), fazer recuo de 8 cm, espaço simples, tamanho da fonte 14, bem como citação de autoria, que deve constar na íntegra no item Referências. Depois do texto digitado, clicar uma vez a tecla Enter e colocar a autoria, que deve constar alinhada à direita.

Todos os documentos, bibliografias e materiais citados no corpo do artigo, direta ou indiretamente, devem constar nas Referências. Entrevistas, imagens, mapas e demais documentos utilizados também. As Referências devem ter espaço 1,5 entre linhas.

Os artigos devem ter, obrigatoriamente, as Referências divididas em dois campos, a saber: Bibliografia e Fontes, listados nessa ordem. Recomenda-se que no item Pesquisas essa exigência também seja contemplada, embora não haja obrigatoriedade.

Modelos de citações (Cf. NBR 10520, ago. 2002 e NBR 6023, ago. 2002):

Livros:

AVELINO, Yvone Dias; FLÓRIO, Marcelo (Orgs.). Polifonias da cidade: memória, arte e cidade. São Paulo: D'Escrever, 2009.

CHARTIER, Roger. A história cultural: entre práticas e representações. Lisboa/São Paulo: DIFEL/Bertrand Brasil, 1990.

FAORO, Raymundo. Existe um pensamento político brasileiro? São Paulo: Ática, 1994.

______. Os donos do poder: formação do patronato político brasileiro. 2. ed. Porto Alegre/São Paulo: Globo/EDUSP, 1975. 2 v.

GOMES, Edgar da Silva. A dança dos poderes: uma história da separação Estado – Igreja no Brasil. São Paulo: D’Escrever, 2009.

 

Capítulos de livros:

CONNIFF, Michael. A elite nacional. In: HEINZ, Flávio. (Org.). Por outra história das elites. Rio de Janeiro: FGV, 2006, p. 99-121.

LOVE, Joseph; BARICKMAN, Bert. Elites regionais. In: HEINZ, Flávio. (Org.). Por outra história das elites. Rio de Janeiro: FGV, 2006, p. 77-97.


Artigos de revistas:

BOURDELAIS, Patrice. O corpo da criança no trabalho no cerne das discussões sobre a regulamentação (Inglaterra, França, início do século XIX). Projeto História: Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em História e do Departamento de História da PUC-SP, EDUC, São Paulo, n 25, p. 55-67, dez. 2002.

MARANHÃO, Carlos. Maior e melhor. Especial Comer & Beber Veja São Paulo, São Paulo, p. 11, 23 set. 2009.

MONTEIRO, Carlos Augusto; CASTRO, Inês Rugani Ribeiro de. Por que é necessário regulamentar a publicidade de alimentos. Revista Ciência & cultura, São Paulo, SBPC, ano 61, n. 4, p. 56-59, out./dez. 2009.

MORENO, Tânia Maria. O sagrado e o profano: o cemitério na cidade de São Paulo. Cordis: Revista Eletrônica de História Social da Cidade, São Paulo, n. 1, p. 1-11, jul./dez. 2008.

PRESENTE bom é aquele que dura para sempre. Jornal MetroABC, ABC, ano 1, ed. 34, p. 14, 11 dez. 2009.

WILLIAMS, Raymond. O drama numa sociedade dramatizada. Sinopse: Revista de Cinema, São Paulo, ECA-INUSP-USP, ano 4, n. 9, p. 60-67, ago. 2002.


Trabalhos acadêmicos:

ALENTEJO, Eduardo. Catalogação de postais. 1999. Trabalho apresentado como requisito parcial para aprovação na Disciplina Catalogação III, Escola de Biblioteconomia, Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rio de Janeiro, 1999.

BORIN, Marisa do Espírito Santo. Desigualdades e rupturas sociais na metrópole: os moradores de rua em São Paulo. 2003. 238 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) – Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), São Paulo, 2003.

GRECO, Maria Madalena Dib Mereb. Patrimônio e memória: duas paralelas. 2005. 63 f. Monografia (Especialização em História Regional) – Programa de Pós-Graduação Lato Sensu em História, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS), Aquidauana, 2005.

NAGLIS, Suzana Gonçalves Batista. “Marquei aquele lugar com o suor do meu rosto”: os colonos da Colônia Agrícola Nacional de Dourados – CAND (1943-1960). 2007. 118 f. Dissertação (Mestrado em História) – Programa de Pós-Graduação em História, Universidade Federal da Grande Dourados (UFGD), Dourados, 2007.

WEINGÄRTNER, Alisolete Antonia dos Santos. Operário nas indústrias da construção civil: participação e luta por direitos sociais. Uma história do sindicalismo em Campo Grande-MS, 1928-1979. 2001. 164 f. Tese (Doutorado em Serviço Social) – Faculdade de História, Direito e Serviço Social, Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, Campus de Franca (UNESP), Franca, 2001.

Materiais de museus, exposições e instituições:

FIBGE. Censo Demográfico – 1980 – Estado de Mato Grosso do Sul. Rio de Janeiro: IBGE, 1982.

INSTITUTO MOREIRA SALLES. São Paulo de Vincenzo Pastore: fotografias: de 26 de abril a 3 de agosto de 1997, Casa de Cultura de Poços de Caldas, Poços de Caldas, MG. [S.I.], 1997. 1 folder. Apoio Ministério da Cultura: Lei Federal de Incentivo à Cultura.

MUSEU DA IMIGRAÇÃO (São Paulo, SP). Museu da Imigração – S. Paulo: catálogo. São Paulo, 1997. 16 p.PERFIL da administração pública paulista. 6. ed. São Paulo: FUNDAP, 1994.


Sites:

POLÍTICA. In: DICIONÁRIO da língua portuguesa. Lisboa: Priberam Informática, 1998. Disponível em: <http://www.priberam.pt/dIDLPO>. Acesso em: 8 mar. 2010.

SÃO PAULO (Estado). Secretaria do Meio Ambiente. Tratados e organizações ambientais em matéria de meio ambiente. In: ______. Entendendo o meio ambiente. São Paulo, 1999. v. 1. Disponível em: <http://www.bdt.org.br/entendendo/atual.htm>. Acesso em: 8 maio 2005.


Imagens da Internet:

ALVES, Castro. Navio negreiro. [S.I.]: Virtual Books, 2000. Disponível em: <http://www.terra.com.br/virtualbooks/port/Lport2/navionegreiro.htm>. Acesso em: 10 dez. 2003.


Legislação:

SÃO PAULO (Estado). Decreto nº 42.822, de 20 de janeiro de 1998. Lex: coletânea de legislação e jurisprudência, São Paulo, v. 62, n. 3, p. 217-220, 1998.

BRASIL. Congresso. Senado. Resolução nº 17, de 1991. Coleção de Leis da República Federativa do Brasil, Brasília, DF, v. 183, p. 1156-1157, maio/jun. 1991.


Revistas, jornais e artigos da Internet:

ÉPOCA SÃO PAULO. Época. Disponível em: <http://revistaepocasp.globo.com/>. Acesso em: 27 set. 2009.

O FECHAMENTO DE RUAS. O Estadão, São Paulo. Disponível em: <http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20090927/not_imp441655,0.php>. Acesso em: 27 set. 2009.

SILVA, Ives. Pena de morte para o nascituro. O Estado de S. Paulo, São Paulo, 19 set. 1998. Disponível em: <http://www.providafamilia.org/pena_morte_nascituro.htm>. Acesso em: 19 set. 2000.


Documentos sonoros (entrevistas):

ALCIONE. Ouro e cobre. Direção artística: Miguel Propschi. São Paulo: RCA Victor, p1988. 1 disco sonoro (45 min), 33 1/3 rpm, estereo., 12 pol.

MPB especial. [Rio de Janeiro]: Globo: Movieplay, c1995. 1 CD.

SANTOS, Eva dos. Eva dos Santos: depoimento [abr. 1998]. Entrevistadores: Márcio Gomes e Maria dos Anjos. São Paulo: SESC-SP, 1998. 2 cassetes sonoros. Entrevista concedida ao Projeto Luzes do SESC-SP.


Documentos tridimensionais (esculturas, maquetes, objetos e suas representações):

BULE de porcelana. [China: Companhia das Índias, 18--]. 1 bule.

DUCHAMP, Marcel. Escultura para viajar. 1918. 1 escultura variável.


Eventos científicos:

SANTOS, Adão dos. Capital Econômica do Acre (Década de 1990). In: Anais do 3° Encontro de Iniciação Científica e 3° Fórum de Pesquisa. Umuarama: UNIPAR, p. 67-68, 2001a.

______. Trabalhadores migrantes. In: REUNIÃO ANUAL DA SBPC, 58., 2006, Florianópolis. Anais eletrônicos... São Paulo: SBPC/UFSC, 2006b. Disponível em: <http://www.sbpcnet.org.br/livro/58ra/SENIOR/RESUMOS/resumo_414.html>. Acesso em: 5 abr. 2007b.

SIMPÓSIO BRASILEIRO DE HISTÓRIA, 1., 1961, São Paulo. [Trabalhos apresentados]. São Paulo: Academia de História, 1961.


Filmes:

CENTRAL do Brasil. Direção: Walter Salles Júnior. Produção: Martine de Clermont-Tonnerre e Arthur Cohn. Intérpretes: Fernanda Montenegro; Marilia Pera; Vinicius de Oliveira; Sonia Lira e outros. Roteiro: Marcos Bernstein, João Emanuel Carneiro e Walter Salles. [S.I.]: Le Studio Canal; Riofilme; MACT Productions, 1998. 1 bobina cinematográfica (106 min), son., color 35 mm.

TOPOGRAFIA de um desnudo. Direção: Teresa Aguiar. Produção: Ariane Porto e Farid Tavares. Intérpretes: Gracindo Junior; José de Abreu; Lima Duarte; Maria Alice Vergueiro; Ney Latorraca; Nilda Maria e outros. Roteiro: Ariane Porto, baseada em obra de Jorge Diaz. São Paulo: Europa Filmes; VideoLar, 2009. 1 DVD (82 min), son., color.


Mapas:

MAPA de Ubicación: vista ampliada. Buenos Aires: Dirección de Salud y Acción Social de la Armada, c2001. 1 mapa, color. Escala indeterminável. Disponível em: <http://www.diba.org/turismo/hoteles/ushuaia/ubicacion2.htm>. Acesso em: 13 jan. 2002.


Mensagem/informação por meio eletrônico:

ALMEIDA, Mário. Fichas para MARC [mensagem pessoal]. Mensagem recebida por <mtmendes@bol.com.br> em 12 jan. 2002.


Partituras:

BARTÓK, Béla. O mandarim maravilhoso. Wien: Universal, 1952. 1 partitura. Orquestra.

GALLET, Luciano (Org.). Canções populares brasileiras. Rio de Janeiro: Carlos Wehns, 1851. 1 partitura (23 p.). Piano.

OLIVA, Marcos; MOCOTÓ, Tiago. Fervilhar: frevo. [19--?]. 1 partitura. Piano. Disponível em: <http://openlink.br.inter.net/picolino/partitur.htm>. Acesso em: 5 jan. 2002.


Obra sem local e editor definidos na publicação:

GONÇALVES, Fabio. A história do mundo. [S.I.: s.n.], 1991.

 

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.

  1. A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista; caso contrário, deve-se justificar em "Comentários ao editor".
  2. O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word.
  3. O texto está em espaço 1,5; usa uma fonte de 16-pontos; as imagens, os quadros e as tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  4. O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.
  5. Em caso de submissão a uma seção com avaliação pelos pares (ex.: artigos), as instruções disponíveis em Assegurando a avaliação pelos pares cega foram seguidas.
 

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.