Análise do papel das expressões não manuais na intensificação em libras

Franisco Aluisio dos Santos Paiva, Plínio Almeida Barbosa, José Mario De Martino, Ackley Dias Will, Márcia Regina Nepomuceno dos Santos Oliveira, Ivani Rodrigues Silva, André Nogueira Xavier

Resumo


As expressões não manuais (ENMs) nas línguas de sinais (LS) incluem

movimentos do corpo e expressões faciais. As ENMs podem desempenhar

diferentes funções, tais como diferenciar itens lexicais, participar da

construção sintática e contribuir com processos de intensificação. Dessa

forma, as expressões faciais participam da construção do significado

nas LS tanto quanto os parâmetros até então mais estudados, a saber:

configuração, movimentos e localização das mãos. Este trabalho tem

como objetivo analisar as ENMs produzidas por uma pessoa surda, fluente

em libras, a partir de enunciados divididos nas modalidades assertiva e

interrogativas parcial e total. Para a análise, foi construído um corpus

de 60 enunciados constituídos da seguinte forma: 10 sinais-chave × 3

modalidades × 2 condições (neutra e intensificada). Esses enunciados

foram devidamente anotados considerando as expressões não manuais

e analisados estatisticamente. Neste trabalho, é avaliada a duração de

sinais a fim de identificar o papel da intensificação, e são verificadas

quais ENMs estão significativamente presentes nas três modalidades e

nas condições neutra e intensificada. Os resultados apresentados, além de

contribuírem para a pesquisa nas LS, são relevantes para a modelagem

de avatares realistas sinalizadores de libras.


Palavras-chave


Libras; Expressões não manuais; Intensificação; Avatar.

Texto completo:

PDF


Revista Delta-Documentação e Estudos em Linguística Teórica e Aplicada ISSN 1678-460X