Notas históricas sobre o conceito de qualidade na crí­tica televisual brasileira

João Freire Filho

Resumo


Um dos maiores desafios teóricos e polí­ticos surgidos, a partir dos anos 1980, é
como repensar as concepções tradicionais de qualidade na televisão. Com intuito de
enriquecer o debate, em nosso paí­s, este artigo revisita as crônicas acusações lançadas
contra a televisão brasileira, desde os primórdios de seu uso comercial, na década de
1950. Minha análise pretende salientar o conteúdo e os distintos campos de aplicação
dos discursos sobre “TV de qualidade” - para muitos crí­ticos, uma contradição em
termos.
Palavras-chave intelectuais, televisão, história, linguagem, mercado, qualidade
Abstract One key theoretical and political challenge which has arisen in the 1980s is how
we can rethink traditional conceptions of quality in television. In order to reinvigorate
this debate in our country, I revisit in this article the chronic charges leveled against
Brazilian television since its commercial beginnings in the nineteen fifties. My analysis
intends to bring into focus the content and the different fields of application of the
discourses on “quality television” - for many critics, an oxymoron.
Key words intellectuals, television, history, language, market, quality

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM