Entre o esgotamento e o devir

André Fogliano

Resumo


O avesso do niilismo é um rigoroso diagnóstico dos afetos que o governo niilista da vida aciona. O objetivo do estudo é, a partir da relação entre niilismo e biopolítica, atualizar o sentido do conceito nietzschiano, inscrevendo-o no diagrama histórico contemporâneo. Pelbart parte do sintoma mais flagrante do presente – o esgotamento, a crise – para expressar o campo microfísico das forças ativas e reativas em jogo na composição social neoliberal. A cartografia é o método pelo qual é possível nuançar, por um lado, o funcionamento dos dispositivos de produção de valores e subjetividades capitalísticas, para, no movimento seguinte, revirá-los do avesso no ato de nomear as possibilidades de resistência que espocam mundo afora e criam formas outras de viver, produzir e pensar em comum.


Palavras-chave


niilismo; biopolítica; esgotamento; cartografia; resistência; produção de subjetividade.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM