Receita para o consumo midiático consciente

Ivan Paganotti

Resumo


Devido à maior facilidade para acesso e publicação de informações, Clay Johnson (2012) defende, no livro “The Information Diet: a case for conscious consumption”, uma inversão no cerne problemático, deixando de tratar do excesso de oferta informativa para focar o consumo desequilibrado, viciado e parcial de informações. Utilizando um paralelo metafórico com as transformações da dieta e da indústria alimentar, o autor sugere que o consumo exagerado de meios de comunicação que primam por confirmar nossos valores e pré-julgamentos ao invés de questionar e contrapor pontos de vista pode levar a problemas como dificuldade de concentração e socialização e ao fechamento epistêmico. Seu prognóstico aponta soluções como exercícios para selecionar ativamente as fontes comunicativas segundo critérios de qualidade informativa, evitando a exposição passiva e prolongada. O ensaio propõe um foco no estudo sobre critérios conscientes de seleção que superem a simples descrição de preferências de consumo.

Palavras-chave


comunicação; consumo consciente; informação; gatekeepers

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM