Tromboembolismo pulmonar crônico: papel da angiotomografia

Rogério Ferrari Peron, Mônica Bernardo, Sonia Ferrari Perón

Resumo


Hipertensão pulmonar por tromboembolismo pulmonar (TEP) crônico é freqüentemente subdiagnosticada e tem prognóstico sombrio se não tratada adequadamente. Quando a presença de trombo arterial é confirmada, tromboendarterectomia é o tratamento de escolha, com resultados favoráveis. Relatamos caso de paciente masculino, 52 anos, com dispnéia aos esforços havia quatro meses, sem quadro clínico agudo de TEP ou de TVP. O ecocardiograma mostrava hipertensão pulmonar moderada e angiotomografia de tórax revelou êmbolos em artérias pulmonares direita e esquerda, artérias lobares e segmentares, bilateralmente. Cortes tomográficos em membros inferiores revelaram trombo em veia poplítea direita. Outros casos de trombose de membros inferiores na família sugerem a possibilidade de trombofilia. Paciente foi tratado com warfarina com sucesso e dois meses após, o ecocardiograma e a angiotomografia estavam normais e não foi necessário indicar tromboendarterectomia.

Palavras-chave


embolia pulmonar; doenças crônicas; tomografia computadorizada espiral

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais



Apoio: ..............................................................................................................................................

    

Fundação São Paulo - Hospital universitário

 



 

Rev. Fac. Ciênc. Méd. Sorocaba, Sorocaba, SP, Brasil, e-ISSN 1984-4840

A Revista da Faculdade de Ciências Médicas de Sorocaba está licenciada com uma Licença Creative Commons - Atribuição 4.0 Internacional.