Transformações na estrutura socioespacial das favelas cariocas: a Rocinha como um exemplo

Gerônimo Leitão

Resumo


Este trabalho pretende contribuir para uma melhor caracterização da dinâmica da produção do ambiente construído nas favelas cariocas, a partir de um estudo sobre a favela da Rocinha, localizada na zona sul da cidade do Rio de Janeiro. Procuramos demonstrar, inicialmente, que, ao longo de cinqüenta anos, de um espaço de uso predominantemente residencial, a Rocinha evoluiu para outro, cada vez mais complexo. Nesse período, ocorreram mudanças significativas no processo de construção da moradia, sendo que, nos últimos vinte anos, verificou-se, também, a estruturação de um expressivo mercado imobiliário informal na favela. Apesar das particularidades da Rocinha, as considerações sobre essa comunidade contribuem para uma compreensão do que ocorre nas demais favelas cariocas, no início do século XXI.

Palavras-chave


favelas cariocas; Rocinha; mercado imobiliário informal; produção da moradia em assentamentos informais; estrutura socioespacial de favelas.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.1590/8733

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Apoio: