EDUCAÇÃO BILÍNGUE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

Flavia Queiroz HOEXTER

Resumo


O número de escolas bilíngues está aumentando em todas as regiões do Brasil. Contudo, até o momento não existe uma legislação que regulamente essas escolas a nível nacional. Muitos pais matriculam seus filhos em escolas que se intitulam bilíngues, desde a Educação Infantil, e o que recebem é a intensificação de um segundo idioma e não uma formação bilíngue. O objetivo deste estudo foi abordar a educação bilíngue na Educação Infantil, com ênfase nas diferenças entre as escolas bilíngues. O estudo foi baseado em uma revisão de literatura sobre o tema. Concluiu-se que a implementação de uma legislação nacional que regulamente as escolas bilíngues de Educação Infantil e seu currículo é urgente no Brasil, e possibilitaria a eliminação de escolas que apenas intensificam um segundo idioma. 


Palavras-chave


Bilinguismo; Educação Bilíngue; Legislação.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.

Intercâmbio está indexada em:

       

Catálogo de Bibliotecas:

ISSN 2237-759X

A Intercâmbio e os textos aqui publicados estão licenciados com uma Licença Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International. Baseado no trabalho disponível em http://revistas.pucsp.br/intercambio. Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://revistas.pucsp.br/intercambio.