MEMÓRIA, PATRIMÔNIO E ARTE: a visibilidade dos acervos de museus de arte contemporânea brasileiros (1965-2005)

Autores

  • Emerson Dionisio Gomes de Oliveira

Palavras-chave:

Museus de arte, patrimônio artístico, história da arte, acervos

Resumo

O presente trabalho pretendeu compreender como museus de arte contemporânea, vistos como instituições de memória, narram suas coleções – e por fim, algumas vezes, a si mesmos –, no intuito de construir um projeto narrativo que ao mesmo tempo “constitua um passado” e corteje uma arte em processo de legitimação. Para tanto, analisamos nove museus de arte fundados entre 1965 e 1995. Numa análise comparativa, nossas formulações buscaram evidenciar polêmicas “apaziguadas” em torno de uma arte atual, em pleno processo de “patrimonialização” e seus efeitos nas questões identitárias de cada comunidade abordada.

Biografia do Autor

Emerson Dionisio Gomes de Oliveira

Doutor em História pela Universidade de Brasília e professor do Departamento de Artes Visuais do Instituto de Artes da Universidade de Brasília.

Downloads