Os sentidos atribuídos ao “cuidado” em uma mídia especializada de Mixed Martial Arts

Juliana A. Oliveira Camilo

Resumo


O objetivo da pesquisa foi entender os sentidos atribuídos a palavra cuidado na modalidade esportiva de combate chamada de Mixed Martial Arts (MMA). Para isso elegemos uma revista especializada de lutas no Brasil, a Tatame na sua versão digital, no período de janeiro de 2011 a dezembro de 2013. Tem-se aqui um olhar da Psicologia Social de cunho construcionista. Após leituras sucessivas nas reportagens agrupamos os repertórios associados ao cuidado em quatro categorias: “autocuidado”, “cuidado com o outro”, “cuidado como ameaça” e “cuidado com o evento”. Na análise quantitativa predominou o uso do “autocuidado” (57,80%), seguido do “cuidado com o outro” (31,19%), “cuidado como ameaça” (6,42%) e “cuidado com o evento” (2,75%). A análise qualitativa das narrativas sugeriu que o “autocuidado” e o “cuidado com o outro” estavam vinculados predominantemente à equação ganhar e perder, desconsiderando o atleta como uma pessoa para além da prática esportiva.


Palavras-chave


Práticas Discursivas; Cuidado; Construcionismo Social; Artes Marciais; Psicologia Social do Esporte.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2016 Psicologia Revista. Revista da Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde. ISSN 1413-4063

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: