Uma Proposta de Curso de Serviço para a disciplina Matemática Financeira
A proposal of Service Course for Undergraduate Financial Mathematics discipline

MARCO AURÉLIO KISTEMANN, DEJAIR FRANCK BARROSO

Resumo


A presente pesquisa de cunho qualitativo investiga a produção de significados dos alunos do curso de Administração de uma Instituição Superior de Ensino de Minas Gerais na disciplina Matemática Financeira por meio de situações-problema de consumo na sociedade líquido-moderna. Inicialmente, foi desenvolvido um piloto explorando os objetos financeiro-econômicos utilizados nas transações, envolvendo financiamentos, spread bancário, estratagemas de marketing e o Código de Defesa do Consumidor. A análise de investigação é feita sob a luz do Modelo dos Campos Semânticos (MCS). Temos como objetivo, propor diretrizes para um curso de serviço, que reflita sobre a sociedade de consumidores líquido-moderna por meio do uso de imagens (charges, tirinhas e vídeos) e situações-problema de consumo, direcionado para o público dos cursos de Administração e Economia, que contemple os resultados de nossa investigação.


This qualitative research investigates the production of meanings of the students in the Management course in the Financial Mathematics subject in a Minas Gerais College, through problem situations of consumption in liquid modern society. Initially, we developed a pilot study that explores the objects used in the economic-financial transactions, that involves financing, banking spread, marketing ploys and the Consumer Protection Code. The analysis is under investigation in the light of the Model of Semantic Fields (MCS). We also aim to propose guidelines for a travel service that reflects on society liquid modern consumer through use of images (cartoons, comic strips and video) and consumer problem situations, directed to the audience of Business Administration courses and Economics, which includes the results of our investigation.


Palavras-chave


Educação Financeira, Produção de Significados, Curso de Serviço

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática. Brasília, 1997.

BAUMAN, Z. (a) Vida para consumo: a transformação das pessoas em mercadorias; tradução Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro: Zahar, 2008.

BAUMAN, Z. (b) Globalização – As consequências humanas. Rio de Janeiro: Zahar, 1999.

BAUMAN, Z. (c) Capitalismo Parasitário. Rio de Janeiro: Zahar, 2010.

CARVALHO, V. Dissertação: “Educação Matemática: Matemática & Educação para o Consumo”. Campinas: Unicamp, 1999.

BARBOSA, J. Disciplinas matemáticas em cursos superiores: reflexões, relatos, propostas. Helena Noronha Cury (Org.) Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004.

DANA, S. PIRES, M. C. 10 X sem juros. São Paulo: Saraiva: Letras & Lucros, 2008.

EQUIPE ATLAS. Código de Defesa do Consumidor. São Paulo: Editora Atlas S.A, 2010.

FAMÁ, R., BRUNI A. L. Matemática Financeira com HP 12C e Excel – Série Finanças na Prática. 4ª ed., São Paulo, Atlas, 2007.

FIORENTINI, D. Parte I – A Educação Matemática como campo profissional e científico. In: FIORENTINI, D. & LORENZATO, S. Investigação em Educação Matemática percursos teóricos e metodológicos. Campinas, SP: Autores Associados, 2006. – (coleção formação de professores).

FROMM, E. Ter ou Ser? Rio de Janeiro: Zahar Editores S.A., 1976.

GLAESER, G. A Didática Experimental da Matemática. Boletim nº 332. Associação dos Professores de Matemática do Ensino Público Francês. Fev. de 1982.

KISTEMANN JR., M. A. Sobre a Produção de Significados e a Tomada de Decisão de Indivíduos-Consumidores. Tese (Doutorado em Educação Matemática). Rio Claro/SP: UNESP, 2011.

HERMÍNIO, P. H. Dissertação: “Matemática Financeira - Um enfoque da resolução de problemas como metodologia de ensino e aprendizagem”. Rio Claro: UNESP, 2008.

LINS, R. C. e GIMENEZ, J. Perspectivas em aritmética e álgebra para o século XXI. Campinas: Papirus, 1997. (Coleção Perspectivas em Educação Matemática).

NASCIMENTO, P. N. A formação do aluno e a visão do professor do Ensino Médio em relação à Matemática Financeira. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática). São Paulo: PUC/SP, 2004.

NOVAES, R. C. N. Uma Abordagem Visual para a Matemática Financeira no Ensino Médio. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática). Rio de Janeiro: UFRJ, 2009.

SAMANEZ, C. P. Matemática Financeira – Aplicações à Análise de Investimentos. 3ª ed., São Paulo, Prentice Hall, 2002.

SILVA, A. M.(a) Uma Análise da Produção de Significados para a Noção de Base em Álgebra Linear. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática). Rio de Janeiro: USU, 1997.

SILVA, A. M.(b) Conferência Interamericana de Educação Matemática. Um Curso de Serviço para a Licenciatura em Matemática. Recife: CIAEM, 2011.

SILVA, A. M.(c) Sobre a dinâmica da produção de significados para a Matemática. Tese (Doutorado em Educação Matemática). Rio Claro/SP: UNESP, 2003.

STEFHANI, M. EDUCAÇÃO FINANCEIRA: uma perspectiva interdisciplinar na construção da autonomia do aluno. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências e Matemática). Porto Alegre: PUC/RS, 2005.

SKOVSMOSE O. (a) Educação Crítica: Incerteza, Matemática, Responsabilidade; tradução de Maria Aparecida Viggiani Bicudo, São Paulo: Cortez Editora, 2007.

SKOVSMOSE O. (b) Educação Matemática Crítica: A questão da democracia. Campinas, SP: Papirus, 2011.

VIEIRA SOBRINHO, J. D. Matemática Financeira. 7ª ed., São Paulo. Atlas, 2000.


Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


INDEXADORES DA REVISTA