Um estudo exploratório das relações funcionais e suas representações no 3º ciclo do Ensino Fundamental.

Edson Eduardo Castro

Resumo


O presente trabalho é uma pesquisa qualitativa cujo foco é a iniciação à Álgebra no terceiro ciclo do Ensino Fundamental. Uma das grandes dificuldades encontradas pelos alunos quando entram em contato com a aprendizagem da Álgebra deve-se à ruptura entre as formas de pensar e representar existentes até então e as que passam a ser necessárias em contextos algébricos. Existem diversas abordagens possíveis para a iniciação ao estudo da Álgebra, tais como: generalização de padrões, modelagem, equações etc. A presente pesquisa optou em explorar a variação entre grandezas ou as relações funcionais em diferentes representações com dez alunos do 7º ano do Ensino Fundamental de uma escola pública da zona leste de São Paulo. O objetivo é investigar como as relações funcionais em diferentes representações contribuem para a introdução ao pensamento e linguagem da Álgebra. Com esse propósito, foi elaborada, aplicada e analisada uma sequência didática desenvolvida de acordo com a metodologia de pesquisa denominada Engenharia Didática, proposta por Michèle Artigue (1995). Frente à abordagem escolhida para iniciação à Álgebra, usou-se a Teoria dos Registros de Representação Semiótica, de Raymond Duval como referencial teórico, a fim de subsidiar a elaboração e a análise da produção dos alunos. Mediante a sequência didática aplicada, constatou-se a viabilidade do trabalho com alunos do 7º ano do Ensino Fundamental com as relações funcionais em diferentes representações, a fim de desenvolver o pensamento e a linguagem da Álgebra. No entanto, deve-se levar em consideração que a presente abordagem é um estudo que requer um planejamento longitudinal, visto que, de acordo com o referencial adotado, "a aprendizagem em Matemática consiste na mobilização simultânea de ao menos dois registros de representação". Pelas produções dos alunos, verificou-se que, apesar de equívocos nas suas escritas algébricas, a maioria conseguiu pensar genericamente e escrever simbolicamente uma expressão envolvendo duas grandezas. Assim sendo, finalizando esta dissertação consta um produto separado (versões digital e impressa) e que pode servir de subsídios aos professores, visto que foi testado e de fato apresentou resultados que devem ser levados em consideração na introdução à Álgebra. Palavras-chave: Educação Algébrica, Álgebra, Variável, Relação Funcional, Registros de Representação Semiótica. This study is a qualitative research whose focus is the introduction to algebra in the third cycle of elementary school. One of the great difficulties encountered by students when they come into contact with the learning of algebra due to the rupture between the ways of thinking and representing existing so far and those that become necessary in algebraic contexts.There are several possible approaches to the introduction to the study of algebra, such as generalization of patterns, modeling, equations etc. This study has chosen to explore the variation between magnitudes or the functional relationships in different representations with ten Year 7 students from elementary school to a public school in the eastern zone of Sao Paulo. The goal is to investigate how the functional relationships in different representations contribute to the introduction to the thought and language of algebra. With this purpose, we developed, implemented and evaluated a didactic sequence developed according to the research methodology called didactic engineering proposed by Michèle Artigue (1995). Faced with the approach chosen for initiation into algebra used to Representation Theory of Semiotics records of Raymond Duval as a theoretical framework to support the development and analysis of students' production. Through didactic sequence applied, we found the feasibility of working with students from the 7th year of elementary school with the functional relationships in different representations in order to develop thinking and language of algebra. However, one should take into consideration that this approach is a study that requires a longitudinal design, since, according to the references adopted, "learning mathematics is the simultaneous mobilization of at least two registers of representation." The products of the students showed that despite mistakes in his writings algebraic most students could think broadly and write symbolically an expression involving two quantities. Thus, finishing this thesis contained a separate product (digital and print versions) and can serve as a support to teachers as it has been tested and results showed that in fact should be taken into consideration in the introduction to Algebra. Keywords: Education algebra, algebra, variable, functional relationship, registers of semiotic representation.

Texto completo:

HTML

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


INDEXADORES DA REVISTA