ELA, NÓS: tecnologia, afeto e sociabilidades na contemporaneidade

Sandra Fischer, Kati Caetano

Resumo


O artigo, tomando como objeto o filme ELA (HER, Spike Jonze; 2013, EUA), trata da interface homem/máquina e dos desdobramentos concernentes às relações entre o elemento humano e o advento da técnica. O intuito principal é refletir sobre a abordagem conceitual do termo “técnica” e sua interpretação em práticas culturais da contemporaneidade, considerando questões atinentes a afetos e sociabilidades. O direcionamento teórico-analítico orienta-se a partir de conceitos da sociossemiótica e de estudos e reflexões de Martin Heidegger, filósofo alemão que se debruça sobre a problemática da técnica moderna no momento em que a sociedade assiste à redução das distâncias e aos efeitos de presença daí decorrentes, fenômeno que tende a ser vivenciado de forma ambígua, misturando sensações de receio e de encantamento.


Palavras-chave


interface homem/máquina; técnica/tecnologia; ELA; sociabilidade e afetos

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM