A ROMA BARROCA: LOCAIS DE CULTO E A ESCOLHA DO ESPAÇO SAGRADO NA CIDADE

Marcos Horácio Gomes Dias

Resumo


A proposta desta pesquisa é entender as maneiras como se costuraram duas matrizes iconográficas: a sacra e a política no espaço urbano da cidade de Roma. Sabendo como é importante o espaço urbano como palco e cenário do poder, busca-se entender como o papado conseguiu reinventar a Roma dos séculos XVI e XVII por meio dos símbolos e alegorias utilizados em ruas e edifícios da cidade. O exame da reurbanização proposta pelos papas nesse momento já nos revela os esquemas, as maneiras e os modelos da Santa Sé na época, como também suas festas e rituais indicam sua adaptação ao novo cenário urbano. A reflexão sobre a arquitetura e o urbanismo da Roma barroca nos leva a reconstrução de um ideal político e religioso, mantido e entendido pelo alto clero, mas também a um imaginário sobre o poder construído pelo discurso religioso, entendido justamente pelos seus rituais, festas e cerimônias.

Palavras-chave


Roma; Arquitetura Religiosa, Urbanismo, Barroco

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.