GEOGEBRA COMO ORGANIZADOR DE RECURSOS TECNOLÓGICOS PARA O ENSINO E APRENDIZAGEM DA MATEMÁTICA EM UMA FORMAÇÃO DE PROFESSORES

Celina A. A. Pereira Abar, Marcio Vieira de Almeida

Resumo


Neste artigo são apresentados resultados parciais de um projeto de pesquisa desenvolvido com um grupo de professores do Ensino Fundamental II da cidade de São Paulo. São descritos os objetivos, referencial teórico e procedimentos metodológicos do projeto no qual as oficinas desenvolvidas estão inseridas. Três encontros presenciais foram realizados no laboratório de informática de uma Diretoria de Ensino com atividades sobre as possibilidades do GeoGebra no ensino da Matemática. Como resultados obtidos apresentamos respostas de um questionário, composto por três perguntas, que procurou detectar como os professores que participaram das oficinas reagiram às atividades desenvolvidas no GeoGebra. Ao final do artigo indicamos a viabilidade de continuidade do projeto.


Palavras-chave


Educação Matemática. Ensino Fundamental. Ambiente Informático. GeoGebra.

Texto completo:

PDF

Referências


Duval, R. Semiósis e Pensamento Humano: Registros Semióticos e Aprendizagens Intelectuais. (Fascículo 1). Livraria da Física, São Paulo, 2009.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Ensino da Matemática em Debate (ISSN 2358-4122)

Indexadores:

      

  


Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.


Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional