Lênin e o Legado Universalista da Revolução de Outubro

Darlan Montenegro, Tamyres Ravache de Marco

Resumo


Este trabalho aborda a herança política da Revolução de Outubro, tendo como fio condutor a concepção universalista da ação revolucionária proposta por Lênin no Que Fazer?, que constitui um dos elementos definidores do caráter do Partido Bolchevique. Tomando como referência a tese de que a origem do projeto revolucionário é exterior à classe e ultrapassa os interesses imediatos da luta econômica, sugerimos que, a despeito das enormes diferenças em termos de contexto histórico, o embate de Lênin com os chamados “economicistas” antecipa as questões que dividem a esquerda, na contemporaneidade, entre projetos de emancipação universal e a lógica fragmentária e particularista característica de importantes movimentos sociais.

Palavras-chave


Revolução Russa; Lênin; Universalismo; Emancipação.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Lutas Sociais
Revista do Núcleo de Estudos de Ideologias e Lutas Sociais (NEILS)
Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais – PUC/SP
Ministro Godói, 969 - 4º andar – Perdizes
CEP: 05015-001 - São Paulo - SP - Brasil
Fone/Fax: (+55 11) 3670-8517

Lutas Sociais está indexada em: