O primado das relações de produção – uma contribuição de Althusser e Balibar para os dilemas atuais

Tomás Coelho Garcia

Resumo


O presente trabalho busca analisar a defesa do primado das relações de produção realizada por Louis Althusser e Étienne Balibar. A argumentação dá origem a dois desdobramentos: a impossibilidade de analisar o capitalismo abandonando a teoria da mais-valia; e a tese de que não existem classes fora da luta de classes. Pretendemos também demonstrar a importância destas teses para o estudo do capitalismo atual, fazendo notar os limites em teorias sociais que muitas vezes pretendem “superar o marxismo” ou que se limitam a problemáticas pouco profícuas como a do “fim do Trabalho”.

Palavras-chave


Louis Althusser; Étienne Balibar; relações de produção; fim do trabalho.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Lutas Sociais
Revista do Núcleo de Estudos de Ideologias e Lutas Sociais (NEILS)
Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais – PUC/SP
Ministro Godói, 969 - 4º andar – Perdizes
CEP: 05015-001 - São Paulo - SP - Brasil
Fone/Fax: (+55 11) 3670-8517

Lutas Sociais está indexada em: