A transformação do corpo erógeno e do narcisismo no câncer de mama: entre amputação do corpo biológico e reconstrução do corpo erótico. Um olhar inspirado no conceito de “subversão libidinal” de Christophe Dejours*

Francilene M. de Melo e Silva

Resumo


Christophe Dejours dá uma importância capital à questão da “subversão libidinal” no processo de construção do corpo erótico. Apoiando-se na teoria freudiana do “apoio da pulsão na função fi siológica” e na teoria da “sedução generalizada”, de Jean Laplanche, o autor distingue dois corpos no ser humano: “o corpo biológico” e o “corpo erótico”. O corpo erótico é construído por meio do processo de “colonização subversiva erótica do corpo biológico”, ou seja, do processo de “subversão da função pela pulsão”. Esse processo é focalizado no órgão biológico. Entre esses dois corpos, não existe uma relação de continuidade; existe somente uma “relação subversiva” das funções biológicas em proveito da economia erótica. O processo de subversão libidinal do “corpo biológico” em “corpo erótico” é o resultado do encontro entre adulto e criança ocorrido durante os cuidados parentais dispensados às necessidades primárias da criança. Esse encontro é marcado pelas difi culdades dos pais em brincar com o corpo da criança, o que limitará o processo de subversão libidinal. O autor defende ainda uma abordagem de proximidade entre corpo erógeno e narcisismo no tratamento psíquico das doenças somáticas. A reatualização da subversão libidinal no processo de reconstrução do corpo erótico acaba por
representar, então, o elemento decisivo na reconquista da saúde do ser humano.
Com base na análise do conceito de “subversão libidinal”, elaborado pelo psiquiatra e psicanalista francês Christophe Dejours, e na apresentação de um caso clínico, mostrar-se-á que, a partir da reativação da subversão libidinal, a paciente em questão dá início a um processo de transformação de seu corpo erótico e do narcisismo, enquanto “amor por seu próprio corpo”. Conclui-se que, no tratamento psicológico de pacientes portadoras de câncer de mama, a reativação da subversão libidinal pode representar um elemento facilitador do trabalho de elaboração psíquica.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais

ISSN Impresso: 1413-4063
ISSN Eletrônico: 2594-3871


Psicologia Revista  está indexada em: