O estado da arte de dissertações e teses sobre o uso de jogos matemáticos na PUC-SP (1995-2015)

Fernando Grillo Pedro

Resumo


O objetivo deste estudo foi realizar um levantamento das dissertações e teses
em Educação Matemática e Ensino de Matemática elaboradas entre 1995 e
2015, produzidas na PUC-SP, cujo enfoque fosse a utilização de jogos em
aulas de matemática. Tratou-se de um estudo documental, denominado estado
da arte, que busca mapear e discutir produções acadêmicas em diferentes
áreas do conhecimento, com a finalidade de apresentar e relatar o estado de
conhecimento de uma área ou de um tema de estudo. Em vista disso foram
analisados 11 trabalhos acadêmicos (cinco teses de doutorado, dois mestrados
profissionais e quatro mestrados acadêmicos). Após o fichamento e a
confecção das resenhas, foi possível verificar que sete trabalhos relatam a
construção do conhecimento matemático, seis valeram-se da pesquisa
qualitativa e seus procedimentos metodológicos, nove tinham como sujeitos
alunos do Ensino Fundamental II, apenas dois dos trabalhos utilizavam os
jogos como recurso para institucionalização de novos conhecimentos
matemáticos, sendo que esse processo não é descrito nos trabalhos
mencionados


Palavras-chave


Jogos; Estado da Arte; Institucionalização

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Ensino da Matemática em Debate. ISSN ISSN 2358-4122

Indexadores:

    

  


Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.

 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional