Percepções de alunos da Universidade Eduardo Mondlane (Moçambique) sobre o querer ser professor de Matemática
Student’s perception of Eduardo Mondlane University (Mozambique) about the willing to be a mathematics teacher

Liliane Silva de Antiqueira, Elaine Corrêa Pereira, Celiane Costa Machado

Resumo


Neste artigo, apresentamos uma investigação acerca das percepções de alunos que cursam Licenciatura em Matemática na Universidade Eduardo Mondlane, em Moçambique, sobre o querer ser professor de Matemática. A metodologia insere-se na abordagem qualitativa e o instrumento de produção das informações foi um questionário composto de questões dissertativas. O corpus da pesquisa foi examinado pelo método da Análise Textual Discursiva, o qual permitiu evidenciar: afinidade com a Matemática do ensino secundário como fator que impulsionou o gosto pela disciplina; e desejo em aprender e em ensinar como forma de compartilhar conhecimento e contribuir com o ensino da Matemática.

 

In this article we present an investigation about the perception of the students that study in the Bachelor of Mathematics at the Eduardo Mondlane University, in Mozambique, about the willing to be a Mathematics teacher. The methodology is part of the qualitative approach and the instrument of the production of the information was a questionnaire composed by essay questions. The corpus of the research was examined by the Discourse Textual Analysis method, which is allowed showing affinity with the mathematics from the high school as a factor that boosted the pleasure of the subject mentioned above and about the desire to learn and teach as a way to share knowledge and contribute with the mathematics formation.

 


Palavras-chave


Licenciatura em Matemática; Moçambique; Ser professor

Texto completo:

PDF

Referências


ANGELIM, J.; GONÇALVES, T. Aspectos formativos da docência de estudantes da licenciatura em matemática. In: Anais do Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, 2012. Disponível em http://editorarealize.com.br/revistas/ebrapem/trabalhos/834a3a843176fa09bea62bb5e7977fe4.pdf. Acesso em: 27 jul. 2017.

BETA, J. M. As principais mudanças ocorridas na educação em Moçambique no período pós-independência e o trabalho docente na voz de um educador. 2015. Dissertação (Mestrado) - Universidade do Vale do Itajaí, Programa de Pós-Graduação em Educação. Santa Cataria.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Investigação qualitativa em Educação: fundamentos, métodos e técnicas. Portugal: Porto Editora, 2010.

CHEVALLARD, Y. et al. Estudar Matemáticas: o elo entre o ensino e a aprendizagem. Trad.: Daisy Vaz de Moraes. Porto Alegre: Artes Médicas, 2001.

CYRINO, M. C. Preparação e emancipação profissional na formação inicial do professor de Matemática. In: NACARATO, A. M.; PAIVA, M. V. (Orgs.). A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

DEIXA, G. V. Uma abordagem dos números inteiros relativos na 8ª classe: indicadores para uma proposta de formação de professores. 2014. Tese (Doutorado) – Universidade Estadual de Londrina, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Educação Matemática. Londrina.

DEMO, P. Outro professor: alunos podem aprender bem com professores que aprendem bem. Jundiaí: Paco Editorial, 2011.

DOMINGOS, A. B. Os desafios da política de formação de professores em Moçambique (1975-1983). In: Revista Científica Vozes dos Vales, UFVJM/MG, nº 06, ano III, out. 2014. Disponível em: < http://site.ufvjm.edu.br/revistamultidisciplinar/files/2014/10/Os-desafios-da-pol%C3%ADtica-de-forma%C3%A7%C3%A3o-de-professores-em-Mo%C3%A7ambique-1975-1983.pdf>. Acesso em: 21 set. 2017.

GERHARDT, T. E.; SILVEIRA, D. T. Métodos de pesquisa. Universidade Aberta do Brasil –– UAB/UFRGS e Curso de Graduação Tecnológica – Planejamento e Gestão para o Desenvolvimento Rural da SEAD/UFRGS. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 2009.

GUIDINI, S. A. O futuro professor de matemática e o processo de identificação com a profissão docente: estudo sobre as contribuições da prática como componente curricular. 2010. Dissertação (Mestrado) - Pontifícia Universidade Católica, Mestrado Profissional em Ensino de Matemática. São Paulo.

LESSARD, C.; TARDIF, M. As transformações atuais do ensino: três cenários possíveis na evolução da profissão de professor? In: TARDIF, M.; LESSARD, C. O ofício de professor: história, perspectivas e desafios internacionais. Petrópolis: Vozes, 2008.

LUIS, A. J. Políticas do Banco Mundial para a Educação Básica Moçambicana – 1985-2000. 2005. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Santa Catarina, Programa de Pós-Graduação em Educação, Florianópolis.

LUNKES, A. et al. Expectativas iniciais dos alunos do curso de licenciatura em Matemática da Universidade Federal de Santa Maria. In: Anais do Congresso Internacional de Ensino de Matemática, VI, Canoas/RS, 2013. Disponível em: < http://www.conferencias.ulbra.br/index.php/ciem/vi/paper/view/1330/381>. Acesso em: 23 jul. 2017.

MAHALAMBE, F. Trajetória sobre o sistema de formação de professores em Moçambique. In: SERRASINA, L. et al. Formação contínua: relatos e reflexos. LISBOA, 2011.

MATHEUS, A.; CANDIDO, C. Argumentação e prova na matemática escolar. 2016. Dissertação (Mestrado) - Universidade de São Paulo, Mestrado do Instituto de Matemática e Estatística São Paulo.

MIZUKAMI, M. Aprendizagem da docência: conhecimento específico, contextos e práticas pedagógicas. In: NACARATO, A. M.; PAIVA, M. A. V. (Orgs.). A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

MOMADE, S. I. O uso das tecnologias de informação e comunicação pelos professores de Matemática da Universidade Pedagógica de Moçambique-Delegação de Nampula. 2010. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal de Goiás, Mestrado em Educação em Ciências e Matemática.

MORAES, R.; GALIAZZI, M. C. Análise textual discursiva. Ijuí: Unijuí. 2011.

MOREIRA, P. C.; DAVID, M. M. M. S. A formação matemática do professor – Licenciatura e prática docente escolar. Belo Horizonte: Autêntica Editora, 2016.

NIVAGARA, D. A formação e o desenvolvimento profissional de professores: uma análise crítica da sua prática no contexto de Moçambique. Revista EDUCAmazônia – Educação, Sociedade e Meio Ambiente. Ano 6, vol. XI, n. 2, Jul.-Dez., p. 23-39, 2013.

NÓVOA, A. Desafios do trabalho do professor no mundo contemporâneo. Palestra. Sindicato dos professores de São Paulo, 2007. Disponível em < http://www.sinprosp.org.br/arquivos/novoa/livreto_novoa.pdf>. Acesso em 31 jul. 2017.

PAIVA, M. A. V. Saberes do professor de matemática: uma reflexão sobre a licenciatura. Educação Matemática em Revista, ano 9, p. 95-104, mar. 2002.

PAVANELLO, R. M.; ANDRADE, R. N. G. Formar professores para ensinar geometria: um desafio para as licenciaturas em matemática. Educação Matemática em Revista, ano 9, p. 78-87, mar. 2002.

PIRES, C. M. C.; SILVA, M. A.; SANTOS, R. C. Reflexões sobre a formação inicial de professores de Matemática, a partir de depoimentos de coordenadores de curso de licenciatura. In: NACARATO, A. M.; PAIVA, M. A. V. (Orgs.). A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.

PONTE. J. P. O desenvolvimento profissional do professor de matemática. Educação e Matemática, 1994. Disponível em: . Acesso em: 05 ago. 2017.

SNE - Sistema Nacional de Educação. Lei nº 6/92. Assembléia da República de Moçambique. Reajusta e adequa as disposições contidas na lei nº 4/83. Maputo, nº 19, I Série, 1992. Disponível em: http://www.mined.gov.mz/Legislacao/Legislacao/Lei%20%20do%20Sistema%20Nacional%20de%20Educa%C3%A7%C3%A3o.pdf Acesso em 16 set. 2017.

SOARES, S., CUNHA, M. Formação do professor: a docência universitária em busca de legitimidade. Salvador: EDUFBA, 2010.

STOPASSOLI, M. A. Reflexões Matemáticas. Santa Catarina: FURB, 1997.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2014.

UEM. Catálogo dos cursos de graduação da UEM. 2016. Disponível em: < https://admissao.uem.mz/images/documentos/Catalogo_dos_Cursos_2016.pdf>. Acesso em 12 ago. 2017

VARIZO, Z. C. Os caminhos da Didática e sua relação com a formação de professores de Matemática. In: NACARATO, A. M.; PAIVA, M. A. V. (Orgs.) A formação do professor que ensina Matemática: perspectivas e pesquisas. Belo Horizonte: Autêntica, 2013.




DOI: http://dx.doi.org/10.23925/1983-3156.2018v20i1p248-268

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM