Gestão de pessoas como estratégia: um estudo de caso em uma empresa de telefonia de Juiz de Fora.

Erica Schefer de Almeida, Débora Vargas Ferreira Costa, Joyce Gonçalves Altaf, Douglas Ribeiro de Castro, Irene Raguenet Troccoli

Resumo


A perspectiva da gestão estratégica de pessoas tem sido apontada por vários autores como fonte de vantagem competitiva empresarial. O presente estudo de caso de abordagem qualitativa, realizado em uma organização prestadora de serviços no ramo de telecomunicações, investigou a área de recursos humanos (RH) da empresa, analisando-lhe os papéis adotados e verificando o desempenho de cada papel. Dentre as conclusões, salienta-se que determinadas funções do RH têm contribuído para a realização da estratégia empresarial, mas ainda é necessário maior investimento nos seus papeis enquanto agente facilitador da mudança e enquanto parceiro estratégico.

Palavras-chave


Gestão Estratégica de Pessoas; Modelo dos Múltiplos Papéis; Estratégia Empresarial

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.20503/recape.v3i2.16534

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.