Identidade e experiência em Pelo fundo da agulha de Antônio Torres

Maurício Silva

Resumo


O presente artigo analisa a questão da identidade no romance Pelo fundo da agulha (2006), de Antônio Torres, em que se testemunha a passagem da essência ontológica do homem do campo à condição de homem da cidade, deslocado de seu meio original e de sua condição existencial. O artigo assume como hipótese a ocorrência, nesse percurso, da perda de identidade.

Palavras-chave


Romance brasileiro contemporâneo; Antônio Torres; Identidade; Cidade versus campo

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




Direitos autorais 2017 FronteiraZ : Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

FronteiraZ está indexada em:

Apoio: