O pecado na mística de Santa Teresa de Ávila

textos, sentidos e experiência

Autores

DOI:

https://doi.org/10.23925/2236-9937.2022v27p322-340

Resumo

O estudo da mística de Santa Teresa traz importante contribuição para a compreensão do mal provocado pelo pecado. Embora a ênfase de Santa Teresa seja a experiência do amor de Deus e o convite à entrega pessoal e coletiva a este amor, a autora nos apresenta textos contrastantes com esta experiência. O artigo explora textos relevantes, sentidos e experiências teresianas do pecado. Percebe-se a contribuição da mística para a compreensão teológica e existencial da realidade do mal na pessoa, pelo qual há uma recusa a reconhecer a Deus como princípio e fim humanos, profundo sofrimento interior e sérias consequência éticas. A experiência teresiana apresenta uma perspectiva antropológica, não moral, do pecado. O artigo apresenta a realidade do pecado em relação a Deus, explora aspectos do pecado na pessoa humana, demonstra esta realidade como um risco nunca superado na vida espiritual e articula o pecado com a ausência de oração.

Biografia do Autor

Lúcia Pedrosa-Pádua, PUC-Rio - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro

Doutora em Teologia Sistemático-pastoral pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ). Professora e pesquisadora nas áreas de antropologia, mariologia e espiritualidade. Contato: lpedrosa@puc-rio.br

Referências

ALVAREZ. T. Teresa de Jesús contemplativa. In: Estudios Teresianos. v.III. Burgos: Monte Carmelo, 1996, p. 103-171.

CASTELLANO CERVERA, Jesús. Guiones de doctrina teresiana. Castellón: Centro de Espiritualidad Santa Teresa, 1981.

DOMINGUEZ REBOIRAS, F. “El amor vivo de Dios: apuntes para una teología de la gracia desde los escritos de Santa Teresa”. Compostellanum 15 (1970) 5-59.

GARRIDO, J. Cristino. “Experiencia teresiana de la vida de la gracia”. Monte Carmelo 75 (1967) 344-391.

GESCHÉ, Adolphe. O mal. São Paulo: Paulinas, 2003.

HERRAIZ, Maximiliano. Introducción a “Las Moradas” de Santa Teresa. Castellón: Centro de Espiritualidad Santa Teresa, 1981.

LLAMAS, Román. “Santa Teresa y su experiencia de la Sagrada Escritura”. Teresianum 33 (1982) 447-513.

MARTÍN DEL BLANCO, Mauricio. “Hacia una teología existencial de la gracia y del pecado en S. Teresa”. Teología Espiritual 21 (1977) 185-209.

PABLO MAROTO, Daniel de. “Alma, pecado, mundo”. Revista de Espiritualidad 41 (1982) 181-198.

PEDROSA-PÁDUA, Lúcia. Santa Teresa de Jesus. Mística e humanização. São Paulo: Paulinas, 2015.

RAHNER, K. Curso Fundamental da Fé. São Paulo: Paulinas, 1989.

SANTA TERESA. Libro de la Vida. In: Id. Obras Completas. (Preparada por Tomás Álvarez), 10.ed. Burgos: Monte Carmelo, 1998, p. 3-414.

TERESA DE JESUS, Santa. Caminho de perfeição. In: Id. Obras completas. Coord. Frei P. Sciadini; texto estabelecido por T. Álvarez. São Paulo: Loyola, 1995. p. 293-429.

TERESA DE JESUS, Santa. Castelo Interior ou Moradas. In: Id. Obras Completas. (Coord. Frei Patricio Sciadini; trad. texto estabelecido por T. Álvarez). São Paulo: Carmelitanas/Loyola, 1995, p. 431-588.

TERESA DE JESUS, Santa. Conceitos do Amor de Deus. In: Id. Obras Completas. (Coord. Frei Patricio Sciadini; trad. texto estabelecido por T. Álvarez). São Paulo: Carmelitanas/Loyola, 1995, p. 841-881.

TERESA DE JESUS, Santa. Exclamações da alma a Deus. In: Id. Obras Completas. (Coord. Frei Patricio Sciadini; trad. texto estabelecido por T. Álvarez). São Paulo: Carmelitanas/Loyola, 1995. p. 883-904.

TERESA DE JESUS, Santa. Livro da Vida. In: Id. Obras Completas. (Coord. Frei Patricio Sciadini; trad. texto estabelecido por T. Álvarez). São Paulo: Carmelitanas/Loyola, 1995, p. 19-291.

TERESA DE JESUS, Santa. Relações. In: Id. Obras Completas. (Coord. Frei Patricio Sciadini; trad. texto estabelecido por T. Álvarez). São Paulo: Carmelitanas/Loyola, 1995, p. 773-839.

VATICANO II. Constituição Pastoral Gaudium et Spes. In: COMPÊNDIO DO VATICANO II. Constituições, decretos, declarações. 20 ed. Petrópolis: Vozes, 1989, p. 141-256.

Downloads

Publicado

2022-09-09