(RE) SIGNIFICANDO A ESCOLA COMO ESPAÇO FORMATIVO: DOS DIÁLOGOS COM A COMUNIDADE ESCOLAR À SISTEMATIZAÇÃO DE CONHECIMENTOS

Gomercindo Ghiggi

Resumo


O texto faz parte da pesquisa interinstitucional (Re) significando a escola como espaço formativo: dos diálogos com a comunidade escolar à sistematização de conhecimentos, que reúne pesquisadores da UNISINOS e da UFPel que investigam a escola como lócus formativo. A pesquisa utilizou para coleta de dados relatos de três professoras de uma Escola Estadual do RS, que fizeram parte da Equipe Diretiva, durante o período de 1996 a 2006. Solicitamos que as professoras produzissem textos relatando suas experiências como equipe de trabalho, expressando o significado destas na sua formação. A análise dos dados está alicerçada nas dimensões do diálogo e reflexão e tem a pesquisa da realidade e suas implicações no cotidiano da escola como construto articulador mais amplo. As situações formativas experienciadas são compreendidas como constituição e negação, oposição e resistência. As reflexões permitem dizer que a articulação realizada nesta gestão muniu o grupo da escola com subsídios para a organização do trabalho peda ógico na direção de práticas emancipatórias.

Palavras-chave


pesquisa da realidade, gestão escolar, diálogo formativo

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais