CURRÍCULO E FORMAÇÃO PROFISSIONAL NA EDUCAÇÃO SUPERIOR

Sidinei da Silva Pithan

Resumo


O presente texto busca vincular alguns estudos desenvolvidos pelo movimento CTS (Estudos Sociais da Ciência e da Tecnologia) com a formação profissional no ensino superior. Destaca, num primeiro momento, a emergência do CTS na Europa e Estados Unidos, bem com na América Latina, buscando caracterizar seus significados e implicações para educação superior brasileira (CUTCLIFFE, 1989; LÓPEZ CEREZO, 1998; VON LINSINGEN, 2006; VACCAREZZA, 1998; BAZZO, W. A. 2002). Num segundo momento, “analisa a realidade” de uma instituição de ensino superior, buscando compreender os princípios e pressupostos implícitos no Projeto Pedagógico Institucional (PPI), no que se refere às compreensões e os vínculos entre ciência, tecnologia e sociedade. Os estudos CTS na educação implicam, por decorrência, numa necessidade de maior contextualização e desmistificação do conhecimento científico e tecnológico, e de promoção da participação pública nos processos de decisão e controle do uso da ciência e tecnologia.

Palavras-chave


Ciência, Tecnologia, Sociedade, Educação Superior

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais