Portfólio de atividades de modelagem matemática como instrumento de avaliação formativa
Portfolio of mathematical modeling activities as an instrument of formative assessment

Jader Otavio Dalto, Karina Alessandra Pessoa da Silva

Resumo


Neste artigo nos debruçamos em investigar como um portfólio de atividades de modelagem matemática se configura enquanto estratégia de avaliação formativa. Para isso, foram analisados dez portfólios de atividades de modelagem matemática construídos por alunos de uma disciplina de Cálculo Diferencial e Integral 1 de um curso de Licenciatura em Química. Por meio de análise qualitativa de cunho interpretativo das produções escritas, evidenciamos que o feedback fornecido pela professora da turma proporcionou aos alunos novas oportunidades de aprendizagem, de modo que os mesmos puderam modificar procedimentos de resolução, corrigir erros e utilizar conhecimentos de cálculo, caracterizando a avaliação formativa do portfólio.

In this article we focus on investigating how a portfolio of mathematical modelling activities is configured as a formative assessment strategy. For this, ten portfolios of mathematical modelling activities constructed by students of Differential and Integral Calculus 1 of a course of Degree in Chemistry were analyzed. Through a qualitative analysis of the written productions, we showed that the feedback provided by the class teacher gave to the students new learning opportunities, so that they could modify resolution procedures, correct errors and use computational knowledge, characterizing the formative assessment of the portfolio.


Palavras-chave


Educação Matemática; Avaliação Formativa; Portfólio; Modelagem Matemática; produção escrita.

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, L. M. W.; SILVA, K. A. P. (2017). A Ação dos Signos e o Conhecimento dos Alunos em Atividades de Modelagem Matemática. Bolema, 31(57), 202-219, abr.

ALMEIDA, L. M. W.; SILVA, K. A. P.; VERTUAN, R. E. (2012). Modelagem Matemática na educação básica. São Paulo: Contexto.

ALMEIDA, L. M. W.; VERTUAN, R. E. (2014). Modelagem Matemática na Educação Básica. In. ALMEIDA; L. W.; SILVA, K. P. (Org.). Modelagem Matemática em Foco. pp. 1-21. Rio de Janeiro: Ciência Moderna.

ALMEIDA, L. M. W.; ZANIN, A. P. L. (2016). Competências dos alunos em atividades de modelagem matemática. Educação Matemática Pesquisa, 18(2), 759-782.

ÄRLEBÄCK, J. B.; DOERR, H. M. (2018). Students’ interpretations and reasoning about phenomena with negative rates of change throughout a model development sequence. ZDM Mathematics Education, 50(1/2), 187-200.

BOGDAN, R. C.; BIKLEN, S. K. (1994). Investigação Qualitativa em Educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto – Portugal: Porto Editora.

BONA, A. S.; BASSO, M. V. A. (2013). Portfólio de Matemática: um instrumento de análise do processo de aprendizagem. Bolema, 27(46), 399-416, ago.

BLUM, W.; BORROMEO FERRI, R. (2009). Mathematical modelling: Can it be taught an learnt? Journal of Mathematical Modelling and Application, 1(1), 45-58.

BORBA, M. C.; MENEGHETTI, R. C. G.; HERMINI, H. A. (1999). Estabelecendo critérios para avaliação do uso de modelagem em sala de aula: estudo de um caso em um curso de ciências biológicas. In: BORBA, M. C. (Ed.). Calculadoras Gráficas e Educação Matemática (pp. 95-114). Rio de Janeiro, Brasil: MEM/USU, Ed. Art Bureau.

DALTO, J. O.; SILVA, K. A. P. (2018). Atividade de Modelagem Matemática como Estratégia de Avaliação da Aprendizagem. Educação Matemática em Revista. 23(57), 34-45, jan./mar.

DE LANGE, J. (1999). Framework for classroom assessment in mathematics. Utrecht: Freudenthal Institute and National Center for Improving Student Learning and Achievement in Mathematics and Science.

Figueiredo, D. F. (2013). Uma proposta de avaliação de aprendizagem significativa em atividades de modelagem matemática na sala de aula. (Dissertação de mestrado). Universidade Estadual de Maringá, Maringá.

FIGUEIREDO, D. F.; KATO, L. A. (2012). Uma Proposta de Avaliação de Aprendizagem em Atividades de Modelagem Matemática na Sala de Aula. Acta Scientiae. 14(2), 276-294.

FORSTER, C.; BURIASCO, R. (2018). Uma prova-escrita-com-cola. In: VII Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática. [online] Foz do Iguaçu, pp.1-10. Disponível em: http://www.sbemparana.com.br/eventos/index.php/SIPEM/VII_SIPEM/paper/view/399/518 [Acessado em 14 Dez. 2018].

GOMES, M. T. (2003). O Portfólio na Avaliação da Aprendizagem Escolar. (Dissertação de mestrado). Universidade Federal do Paraná.

GREEFRATH, G.; SILLER, H.-S. (2017). Modelling and simulation with the help of digital tools. In: STILLMAN, G. A.; BLUM, W.; KAISER, G. (Eds.), Mathematical modelling and applications. ICTMA 17 (pp. 529–539). Dordrecht: Springer.

HADJI, C. (1994). Avaliação, regras do jogo: das intenções aos instrumentos. Porto: Porto Editora LDA.

MENDES, M. T. (2014). Utilização da Prova em Fases como recurso para regulação da aprendizagem em aulas de cálculo. (Tese de doutorado). Universidade Estadual de Londrina.

SACRISTÁN, J. G. (1998). A avaliação no ensino. In: SACRISTÁN, J. G.; PÉREZ GOMES, A. I. (Ed.). Compreender e transformar o ensino. (pp. 295-351). Porto Alegre, Brasil: Artmed.

SANTOS, E. R.; BURIASCO, R. L. C. (2016). A análise da produção escrita em Matemática como estratégia de avaliação: aspectos de uma caracterização a partir dos trabalhos do GEPEMA. Alexandria. 9(1), 233-247.

SILVA, K. A. P.; DALTO, J. O. (2017). Uma estratégia de Avaliação de Atividades de Modelagem Matemática. Revista Electrónica de Investigación en Educación en Ciencias. 12(2), 1-17, dez.

SOUZA, N. A.; BORUCHOVITCH, E. (2010). Mapa conceitual: seu potencial como instrumento avaliativo. Pro-Posições. 21(3), 173-192, set./dez.

VELEDA, G. G.; BURAK. D. (2016). Modelagem Matemática e o Desafio da Avaliação: revisitando as propostas nacionais e internacionais. In: ALMEIDA, L. M. W.; BORSSOI, A. H.; TORTOLA, E.; SILVA, K. A. P. (Eds.). Modelagem Matemática em debate: diálogos, reflexões e desafios. EPMEM 7. Londrina: UEL, UTFPR.




DOI: https://doi.org/10.23925/1983-3156.2020v22i1p371-393

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


Direitos autorais 2020 Educação Matemática Pesquisa : Revista do Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática



INDEXADORES DA REVISTA
     
             Anti-Plágio