POLÍTICAS EDUCACIONAIS E CURRÍCULO: traduções e ressignificações no contexto escolar

Jean Mac Cole Tavares Santos, Francisca Natália Silva

Resumo


Este trabalho discute a tradução do Programa Ensino Médio Inovador (ProEMI) em uma escola estadual localizada na cidade de Mossoró, no Estado do Rio Grande do Norte. Buscamos analisar a política do ProEMI, apontando os processos de tradução da política na escola, partindo dos discursos de docentes que atuam no Programa. Utilizamos como referência o ciclo de política de Stephen Ball (1992) e colaboradores, além de alguns interlocutores brasileiros, como Mainardes (2011) e Lopes (2005, 2006 e 2012), que ajudam a entender a construção da política a partir dos contextos de influência, de produção de texto e da prática. Para discutir o conceito de tradução nos baseamos em Lendvai e Stubbs (2012). Utilizamos como metodologia a análise das falas de 5 (cinco) docentes, obtidas por meio de entrevistas semiestruturadas, além de análise dos documentos norteadores do ProEMI. O estudo ponderou que o processo de significação da proposta pela instituição envolveu influências e negociações de sentidos, traduzindo as ações conforme os embates e lutas do contexto da prática.


Palavras-chave


Contexto da prática; Ensino Médio Inovador, Tradução de políticas.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais