A INTERDISCIPLINARIDADE E A PRÁTICA PEDAGÓGICA EM MOÇAMBIQUE

Jó Capece

Resumo


O presente trabalho procura dar alguns subsídios tendentes à mudança da prática pedagógica em Moçambique, tomando como pressuposto a necessidade da apropriação, para o currículo oficial, os saberes locais que as comunidades locais detém. Para que tal premissa seja profícua, recomenda-se que os fazedores das políticas públicas educacionais do país, dêem maior primazia à formação de educadores, formação essa que seja capaz de contemplar a possibilidade de apropriação da riqueza cultural e a-científica que está presente, às vezes de forma latente, nessas comunidades. Nesta acção procurar-se-á dar maior relevo à prática interdisciplinar, pois esta privilegia o autoconhecimento de cada um e constitui um contributo para um planejamento conjunto. Esta assumpção advém do facto de que, na formação de educadores, precisa haver um espaço para a criação e a recriação duma metodologia que leve o educador à procura incessante dos saberes locais juntos às comunidades, de tal modo que seja capaz de nelas extrair do que existe do universal no saber local, transformando-o no saber escolar.

Palavras-chave


Prática pedagógica, saber local e saber escolar, comunidades locais.

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais