EDUCAÇÃO INTEGRAL NO CONTEXTO DA BNCC

Jane Bittencourt

Resumo


Este trabalho analisa a questão da educação integral diante da organização curricular proposta pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC), em sua versão final, publicada em dezembro de 2018, com o intuito de apontar limitações e possibilidades para a implementação de projetos de educação integral neste novo contexto. Definimos como foco de análise um aspecto considerado comum entre as diversas propostas educativas recentes em educação integral baseadas nos programas governamentais publicados durante a década de 2000: a ampliação curricular. Considerando que a ampliação curricular se refere à ampliação dos tempos, dos espaços educativos e à diversificação e integração dos saberes escolares, procuramos identificar estes elementos na BNCC. Concluímos afirmando que a viabilidade de implementação de projetos educativos em educação integral com a adoção desta base comum curricular é bastante limitada, tendo em vista que os diversos fatores que caracterizam a ampliação curricular em projetos de educação e de formação integral não são enfatizados na opção curricular da BNCC.


Palavras-chave


Educação integral;Formação integral; Ampliação curricular; Integração curricular.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.23925/1809-3876.2019v17i4p1759-1780

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais