INTERAÇÕES EM CURSOS DE LICENCIATURA EM MATEMÁTICA A DISTÂNCIA E A ABORDAGEM “ESTAR JUNTO VIRTUAL AMPLIADO”

Frederico Fonseca Fernandes, Suely Scherer

Resumo


Este artigo apresenta alguns resultados de uma pesquisa cujo objetivo foi analisar processos de interação entre sujeitos em dois cursos de Licenciatura em Matemática, ofertados na modalidade de Educação a Distância, em instituições públicas de ensino superior. Os dados foram coletados a partir da observação do ambiente virtual de aprendizagem das disciplinas dos cursos, ofertadas no ano de 2012. A partir dos dados obtidos e do referencial teórico da pesquisa, identificou-se que um dos cursos apresentou quatro disciplinas segundo o modelo Broadcast, e três disciplinas segundo o modelo Virtualização da Escola Tradicional, em um modelo de interação tutor-aluno e/ou aluno-aluno, em ações de pergunta-resposta. Em relação ao outro curso investigado, foram identificadas características de interação entre os sujeitos segundo o modelo de interação “Virtualização da Escola Tradicional”, ou seja, os professores/tutores apenas responderam ou encaminharam respostas e questões aos alunos, a partir do que eles produziram, sem considerar a possibilidade de interações entre alunos e a realização de produções coletivas. 


Palavras-chave


formação de Professores; tecnologia Digitais; Matemática; Educação a Distância

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Revista e-Curriculum                                   e-ISSN 1809-3876

Indexadores:

Nacionais

              

 

Internacionais