Organização Interacional e Controle de Tópico em Audiências de Conciliação

Wânia Terezinha Ladeira

Resumo


Analisamos o tópico discursivo na fala-em-interação no ambiente institucional de três audiências de conciliação de um Juizado Especial Cível de Relações de Consumo, baseando-nos no arcabouço teórico da Sociolingüística Interacional e da Análise da Conversa. A análise revela que os participantes têm direitos assimétricos na escolha dos tópicos a serem discutidos. Assim, o mediador é quem tem o direito de sugerir e controlar os tópicos discursivos da conversa. Esse controle de tópico é o principal procedimento institucional que pode diminuir as probabilidades de apresentação de acusações e réplicas diretas e adjacentes, e, conseqüentemente, aumentar a chance do mediador cumprir a sua tarefa de conseguir a conciliação entre partes em conflito.

Palavras-chave


audiências de conciliação; negociação; mediador; controle de tópico

Texto completo:

PDF

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM