A relação professor-materiais curriculares como temática de pesquisa em Educação Matemática
The relationship teacher-curricular materials as researched topic in Mathematics Education

Gilberto Januario, Katia Lima, Ana Lucia Manrique

Resumo


Exploramos a relação professor-materiais curriculares como temática de pesquisa, destacando características dos materiais e dos professores trazidos para essa relação, bem como conceitos subjacentes a ela. Trata-se de um estudo bibliográfico, em que se discute a produção sobre essa relação no âmbito da Educação Matemática. A discussão centra-se na concepção de materiais curriculares como ferramentas socioculturais e na relação a partir de recursos trazidos por ambos os agentes, professor e materiais, relacionando os conceitos de affordance e agência. Materiais curriculares, com suas affordances, e professores manifestam suas agências sobre escolhas e decisões em relação à Matemática e seu ensino, e ambos os agentes se influenciam ao oportunizar situações de aprendizagem aos estudantes.

Palavras-chave


Relação professor-materiais curriculares. Agência. Affordance. Currículos de Matemática.

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Educação Básica. Relatório de análise de propostas curriculares de Ensino Fundamental e Ensino Médio. Brasília: MEC/SEF, 2010.

BROWN, Matthew William. Teaching by design: understanding the interaction between teacher practice and the design of curricular innovations. 2002, 543f. Tese (Doutorado em Ciências da Aprendizagem) – School of Education & Social Policy, Northwestern University. Evanston, Illinois (EUA).

BROWN, Matthew William. The Teacher-Tool Relationship: theorizing the design and use of curriculum materials. In: REMILLARD, Janine. T; HERBEL-EISENMANN, Beth A.; LLOYD, Gwendolyn Monica. (Ed.). Mathematics Teachers at Work: connecting curriculum materials and classroom instruction. New York: Taylor & Francis, 2009, p. 17-36.

BROWN, Matthew William; EDELSON, Daniel Choy. Teaching by Design: curriculum design as a lens on instructional practice. In: ANNUAL MEETING OF AMERICAN EDUCATIONAL RESERCH ASSOCIATION, 2001, Seatle. Anais da AM-AERA: what we know and how we know it. Seatle (Washington): AERA, 2001, p. 1-25.

COLLOPY, Rachel. Curriculum materials as a professional development tool: how a Mathematics textbook affected two teachers' learning. The Elementary Scholl Journal, Chicago, v. 103, n. 3, p. 287-311, jan. 2003. DOI: 10.1086/499727.

CUADRA, Francisco Gil; RICO, Luis; CANO, Antonio Fernández. Concepciones y creencias del profesorado de secundaria sobre la evaluación en matemáticas. Revista de Investigación Educativa, Asociación Interuniversitaria de Investigación en Pedagogía, Barcelona, v. 20, n. 1, p. 47-75, jun. 2002.

GIBSON, Eleanor Jack. Exploratory behavior in the development of perceiving, acting, and the acquiring of knowledge. Annual Review of Psychology, Palo Alto (Califórnia), v. 39, p. 1-41, fev. 1988. DOI: 10.1146/annurev.ps.39.020188.000245.

GIBSON, James Jerome. The ecological approach to visual perception. New Jersey: Lawrence Erlbaum Associates, 1986.

GIBSON, James Jerome. The senses considered as perceptual systems. Boston: Houghton Mifflin, 1966.

GIDDENS, Anthony. A constituição da sociedade. Tradução de Álvaro Cabral. São Paulo: Martins Fontes, 1989.

GIDDENS, Anthony. A estrutura de classes das sociedades avançadas. Tradução de Márcia B. de Mello Leite Nunes. Rio de Janeiro: Zahar, 1975.

JANUARIO, Gilberto. Marco conceitual para estudar a relação entre materiais curriculares e professores de Matemática. 2017. 194f. Tese (Doutorado em Educação Matemática). Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo.

LIMA, Katia. Relação professor-materiais curriculares em Educação Matemática: uma análise a partir de elementos dos recursos do currículo e dos recursos dos professores. 2017. 163f. Tese (Doutorado em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo.

LIMA, Katia; O, Gilberto; PIRES, Célia Maria Carolino. Professores e suas relações com materiais que apresentam o currículo de Matemática. Educação Matemática Pesquisa, São Paulo, v. 18, n. 2, p. 717-740, maio/ago. 2016.

LIMA, Silvana Ferreira de. Relações entre professores e materiais curriculares no ensino de números naturais e sistema de numeração decimal. 2014. 217f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo.

LIN, Hsien-Ta; FISHMAN, Barry. Exploring the relationship between teachers’ experience with curriculum and their understanding of implicit unit structures. In: 7th INTERNATIONAL CONFERENCE ON LEARNING SCIENCES, 2006, Bloomington (Indiana, USA). Proceedings of ICLS 2006. Bloomington: Indiana University School of Education, National Science Foundation, 2006, p. 432-438.

LLOYD, Gwendolynm Monica. Two teachers’ conceptions of a reform-oriented curriculum: implications for Mathematics teacher development. Journal of Mathematics Teacher Education, v. 2, p. 227-252, 1999.

MOUZELIS, Nicos P. Modern and postmodern Social Theorizing: bridging the divide. Cambridge: Cambridge University Press, 2008.

PACHECO, Débora Reis. O uso de materiais curriculares de Matemática por professores dos anos iniciais do Ensino Fundamental para o tema Espaço e Forma. 2015. 175f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Faculdade de Ciências Exatas e Tecnologia. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo.

PEPIN, Birgit; GUEUDET, Ghislaine; TROUCHE, Luc. Re-sourcing teachers’ work and interactions: a collective perspective on resources, their use and transformation. ZDM – The International Journal on Mathematics Education, Springer, v. 45, n. 7, p. 929-943, dez. 2013. DOI 10.1007/s11858-013-0534-2

PIRES, Celia Maria Carolino. Matemática e sua inserção curricular. São Paulo: Proem, 2006.

REMILLARD, Janine T. Curriculum Materials in Mathematics Education Reform: A Framework for Examining Teachers’ Curriculum Development. Curriculum Inquiry, v. 29, n. 3, p. 315-342, jun. 1999.

REMILLARD, Janine T. Examining key concepts in research on teachers’use of Mathematics Curricula. Review of Educational Research, Washington, American Educational Research Association, v. 75, n. 2, p. 211–246, jun. 2005. DOI: 10.3102/00346543075002211.

REMILLARD, Janine T. Modes of Engagement: Understanding Teachers’ Transactions with Mathematics Curriculum Resources. In: GUEUDET, Ghislaine; PEPIN, Birgit; TROUCHE, Luc. (Ed.). From Text to ‘Lived’ Resources: Mathematics Curriculum Materials and Teacher Development. New York: Springer, 2012, p. 105-122.

REMILLARD, Janine; KIM, Ok-Kyeong. Knowledge of curriculum embedded mathematics: exploring a critical domain of teaching. Educational Studies in Mathematics, p. 1-17, mar. 2017.

SACRISTÁN, José Gimeno. O que significa o currículo? In: SACRISTÁN, José Gimeno. (Org.). Saberes e incertezas sobre o currículo. Tradução: Alexandra Salvaterra. Porto Alegre: Penso, 2013, p. 16-35.

SANTIN, Thiago Rafael. Concepções e perspectivas de agência epistêmica. 2015. 133f. Dissertação (Mestrado em Filosofia) – Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas. Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre.

SHULMAN, Lee S. Those Who Understand: Knowledge Growth in Teaching. Educational Researcher, American Educational Research Association, Washington, v. 15, n. 2. p. 4-14, fev. 1986.

STEIN, Mary Kay; KIM, Gooyeon. The role of Mathematics curriculum materials in large-scale urban reform: an analysis of demands and opportunities for teacher learning. In: REMILLARD, Janine. T; HERBEL-EISENMANN, Beth A.; LLOYD, Gwendolyn Monica. (Ed.). Mathematics Teachers at Work: connecting curriculum materials and classroom instruction. New York: Taylor & Francis, 2009, p. 37-55.

THOMPSON, Alba Gonzalez. A relação entre concepções de matemática e de ensino de matemática de professores na prática pedagógica. Zetetiké, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, v. 5, n. 8, p. 9-45, jul./dez. 1997.




DOI: https://doi.org/10.23925/1983-3156.2017v19i3p414-434

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


INDEXADORES DA REVISTA