Gifmath: website educativo para o ensino e aprendizagem da geometria

Diogo Meurer, Ewerton Roosewelt, José Santos

Resumo


O presente trabalho apresenta um projeto de pesquisa que  foi desenvolvido no Instituto Federal de Alagoas – campus Arapiraca e apresentado no Florida GeoGebra Conference, em fevereiro de 2019. O objetivo do projeto foi desenvolver, usando o GeoGebra, gifs animados para auxiliar no ensino da geometria. Além disso, criamos um site para disponibilizar todos os gifs criados e dando espaço para outros professores mandarem suas contribuições. Para a criação dos gifs, conversamos com vários professores de matemática procurando saber quais tópicos da geometria seria interessante o uso de imagens animadas. Além disso, tivemos como auxílio alguns cursos para o uso do GeoGebra e o próprio site do programa para podermos desenvolver melhor a técnica para a criação dos gifs. No final do projeto, desenvolvemos uma satisfatória quantidade de gifs e eles já estão disponibilizados no site. Mas, mesmo assim, o projeto não é visto como finalizado, pois pretendemos criar mais imagens e analisar como o uso dos gifs auxiliam na aprendizagem da geometria.

Palavras-chave


GeoGebra; Ensino; Educação MAtemática

Texto completo:

PDF

Referências


BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais: Matemática. Brasília: Ministério da Educação/Secretaria de Educação Fundamental, 1998.

FABRE, Marie-Christine JM; TAMUSIUNAS, Fabricio; TAROUCO, Liane Margarida Rockenbach. Reusabilidade de objetos educacionais. RENOTE, v. 1, n. 1, 2003.

GRAVINA, Maria Alice. Geometria Dinâmica: uma nova abordagem para o aprendizado da Geometria. Anais do VII Simpósio Brasileiro de Informática na Educação, v. 1, p. 1-13, 1996.

MAIA, Licia de Souza Leão. O ensino da Geometria–analisando diferentes representações. Educação Matemática em Revista, p. 24-33, 2018.

NASCIMENTO, Eimard GA do. Avaliação do uso do software GeoGebra no ensino de geometria: reflexão da prática na escola. XII Encontro de Pós-Graduação e Pesquisa da Unifor, ISSN, v. 8457, p. 2012, 1808.

PAIS, Luiz Carlos. Uma análise do significado da utilização de recursos didáticos no ensino da geometria. REUNIÃO DA ANPED, v. 23, p. 24, 2000.

PAVANELLO, Regina Maria. O abandono do ensino da geometria no Brasil: causas e consequências. Zetetiké, v. 1, n. 1, 1993.

PEREIRA, Thales de Lélis Martins. O uso do software Geogebra em uma escola pública: interações entre alunos e professor em atividades e tarefas de geometria para o ensino fundamental e médio. Juiz de Fora: UFJF, 2012.

SILVA, Fábio Bernardo da. Conceitos de geometria plana com Software GeoGebra: um estudo de caso no ensino médio. 97 f. Dissertação (Pós-Graduação em Educação nas Ciências) - Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Rio Grande do Sul, 2018.




DOI: https://doi.org/10.23925/2237-9657.2019.v8i1p037-046

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista do Instituto Geogebra Internacional de São Paulo está indexada nas seguintes bases:

             

 

        

   

Revista do Instituto GeoGebra internacional de São Paulo (IGISP) E- ISSN 2237-9657  (versão eletrônica)

Qualis/Capes: Qualis A3 na avaliação de Qualis/Capes (2017/2018)

Licença que permite que outros compartilhem o trabalho com um reconhecimento da autoria do mesmo e publicação inicial nessa revista GeoGebra.

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.