A construção de cenários animados no GeoGebra e o ensino e a aprendizagem de funções

Maria Ivete Basniak

Resumo


RESUMO

Neste relato, discutiremos especificamente quanto à aprendizagem de funções, salientando nossa experiência com os alunos com altas habilidades/superdotação. abordamos aspectos relacionados ao conceito de funções e a como compreendemos que a tecnologia, mais especificamente o GeoGebra, pode favorecer a aprendizagem destes conceitos. Relatamos alguns aspectos de nossa experiência que evidenciam como a construção de cenários animados no GeoGebra pode implicar na compreensão de conceitos sobre função, por meio das explicações de uma aluna do sexto ano do Ensino Fundamental que revelam que por meio dos cenários animados construídos ela compreendeu conceitos matemáticos de funções importantes, como coeficiente angular, coeficiente linear, funções crescente, decrescente e constante e os relatórios de uma aluna do primeiro ano do Ensino Médio utilizam linguagem matemática e sugerem que o trabalho por um tempo maior com a construção de cenários animados para a aprendizagem de funções, pode favorecer a compreensão e aplicação correta de conceitos matemáticos.

Palavras-chave: tecnologia; educação matemática; altas habilidades/superdotação.

 

RESUMEN

En este informe, discutiremos específicamente el aprendizaje de roles, destacando nuestra experiencia con estudiantes con altas habilidades / talento. Cubrimos aspectos relacionados con el concepto de funciones y cómo entendemos que la tecnología, más específicamente GeoGebra, puede favorecer el aprendizaje de estos conceptos. Reportamos algunos aspectos de nuestra experiencia que muestran cómo la construcción de escenarios animados en GeoGebra puede implicar la comprensión de conceptos sobre la función a través de las explicaciones de un estudiante de primaria de sexto grado que revela que a través de los escenarios animados construidos ella entendió los conceptos. Las funciones matemáticas, como el coeficiente angular, el coeficiente lineal, el aumento, la disminución y las funciones constantes, y los informes de un estudiante de primer año de secundaria usan lenguaje matemático y sugieren trabajar más tiempo con la construcción de escenarios animados para Las funciones de aprendizaje pueden favorecer la comprensión y la correcta aplicación de los conceptos matemático.

Palabras claves: tecnología; educación matemática; altas habilidades / superdotación.

 

ABSTRACT

In this report, we will specifically discuss role learning, highlighting our experience with students with high skills/giftedness. We cover aspects related to the concept of functions and how we understand that technology, more specifically GeoGebra, can favor the learning of these concepts. We report some aspects of our experience that show how the construction of animated scenarios in GeoGebra can imply the understanding of concepts about function through the explanations of a sixth grade elementary student who reveal that through the constructed animated scenarios she understood concepts. Mathematical functions such as angular coefficient, linear coefficient, increasing, decreasing, and constant functions, and the reports of a first-year student in high school use mathematical language and suggest working longer with the construction of animated scenarios for Learning functions can favor the understanding and correct application of mathematical concepts. The abstract can be done in English, with a maximum of 10 lines, single spaced, Times 12, in italics, followed by three keywords. The abstract should contain the purpose of the discussion, the methodology and highlight some of the results observed in the research, but without providing reference authors: they shall come only through the text.

Keywords: technology; mathematical education; high skill /giftedness.


Palavras-chave


tecnologia; educação matemática; altas habilidades/superdotação.

Texto completo:

PDF

Referências


Amaral, M. P. e Frango, I. (2014). Um levantamento sobre pesquisas com o uso do software GeoGebra no ensino de funções matemáticas. REVEMAT. Florianópolis (SC), v.9, n. 1, 90-107.

Basniak, M. (2019). A construção de Cenários animados no GeoGebra e o Ensino e Aprendizagem de Funções. 6º Colóquio da Comunidade GeoGebra Latino-americana. Disponível em: youtu.be/ufpBK_CzDUQ

Brasil. (2006). Orientações curriculares para o ensino médio; volume 2, Ciências da natureza, matemática e suas tecnologias/Secretaria de Educação Básica. – Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 135 p.

Caraça, B. J. (1998). Conceitos fundamentais da Matemática. Lisboa: Livraria Sá da Costa Editora.

D’Ambrosio, B. S. (1989). Como ensinar matemática hoje? Temas e Debates. SBEM. Ano II. n.2. Brasília. 15-19.

Pavan, L. R., Nogueira, C. M. I. e Kato, L. A. (2009;). A. As relações entre o Campo Conceitual Multiplicativo e as ideias básicas do conceito de função: um estudo com crianças da 4ª série (5º ano) do Ensino Fundamental. In: Encontro Paranaense de Educação Matemática, 10, 2009, Guarapuava. Anais do X EPREM. Guarapuava: Unicentro.

Procópio, W. (2011). O Currículo de Matemática do Estado de São Paulo: sugestões de atividades com o uso do GeoGebra, 193 f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. São Paulo.

Santos, G. L. D. e Barbosa, J. C. (2017). Como ensinar o conceito de função? Educação Matemática em Revista, Brasília, v. 22, n. 53, 27-37.

Tabach, M. e Nachlieli, T. (2015). Classroom engagement towards using definitions for developing mathematical objects: the case of function. Educational Studies in Mathematics, n. 90, 163 -187.

Valente, J. A. (1993). Diferentes usos do computador na educação. Em Aberto, Brasília, ano 12, n.57, p. 2-16.




DOI: https://doi.org/10.23925/2237-9657.2020.v9i1p43-58

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista do Instituto Geogebra Internacional de São Paulo está indexada nas seguintes bases:

             

 

        

   

Revista do Instituto GeoGebra internacional de São Paulo (IGISP) E- ISSN 2237-9657  (versão eletrônica)

Qualis/Capes: Qualis A3 na avaliação de Qualis/Capes (2017/2018)

Licença que permite que outros compartilhem o trabalho com um reconhecimento da autoria do mesmo e publicação inicial nessa revista GeoGebra.

Os artigos publicados não expressam necessariamente a opinião da revista e são de responsabilidade exclusiva dos autores.