O GÊNERO COMIC STRIP NO ENSINO DE LÍNGUA INGLESA: UMA ABORDAGEM INTERACIONISTA SOCIODISCURSIVA.

Paulo Henrique Espuri, Eliane Segati Rios-Registro

Resumo


As Diretrizes Curriculares da Educação Básica (2008), documento que norteia o âmbito educacional no Paraná, recomendam que os alunos devem ser considerados como integrantes sociais no processo de ensino-aprendizagem. Contudo, nos bancos escolares, ainda encontramos meto dologias e abordagens que privilegiam somente aspectos gramaticais em tal processo, o que não contribui para uma formação cidadã crítica e reflexiva. Em face desse quadro, este trabalho objetiva apresentar as potencialidades do trabalho com o gênero textual comic strip em sala de aula. Para tanto, com base no modelo didático de Cristovão, Durão e Nascimento (2003), construímos uma sequência didática (DOLZ, NOVERRAZ; SCHNEUWLY, 2004), tendo como suporte a webquest. Nossas bases teóricas se debruçam sobre a análise textual (BRONKCART, 2009), bem como sobre as capacidades de linguagem (DOLZ E SCHNEUWLY, 2004). Concluímos que o gênero comic strip é um poderoso instrumento para o ensino de língua inglesa.


Palavras-chave


comic strip; sequência didática; língua inglesa

Texto completo:

PDF
© The ESPecialist - 2018
Desenvolvido por Rodrigo Veiga